Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Regra dos Slam permite troca de cabeças de chave
29/06/2019 às 17h57

Serena foi beneficiada pela regra em Wimbledon e no US Open do ano passado

Foto: Arquivo
José Nilton Dalcim

Mais uma vez, surge a polêmica em cima da forma com que Wimbledon tradicionalmente determina sua lista de cabeças de chave para o torneio masculino. O espanhol Rafael Nadal, que neste ano foi rebaixado para cabeça 3 em favor do suíço Roger Federer, não poupou críticas e chegou a afirmar que a ATP deveria tomar uma atitude porque Wimbledon "faz o que bem entende".

Não é verdade. Qualquer torneio de Grand Slam tem a prerrogativa de alterar a ordem dos cabeças de chave e isso está claramente estabelecido no 'Grand Slam Rulebook' da Federação Internacional de Tênis.

Ali estão expostas todas as regras e formalidades que regem os quatro torneios que estão sob sua jurisdição. Quando se refere ao sistema de 'cabeças de chave', o regulamento diz que cada Slam determina os favoritos através de seu Comitê, embora deva seguir prioritariamente (mas não exclusivamente ) o ranking.

O que diz a regra
O Artigo 1, que dispõe das condições gerais, em seu capítulo 'Z' trata dos Procedimentos de Ingresso. Descreve então o item 2, referente às regras para a composição das Chave de Simples. É justamente aí onde aparece a regulamentação sobre 'Cabeças de Chave' (Seeds, em Inglês).

Vejamos então o que diz textualmente a regra:

Cabeças
São os jogadores a quem serão dadas posições preferenciais na chave.
i. Obrigações
Todo torneio de Grand Slam terá uma chave com cabeças. Haverá tão somente uma lista de cabeças.
ii. Seleção dos Cabeças
A seleção dos cabeças será a critério de cada Comitê de Torneio de cada Grand Slam. No entanto, a lista do ranking por computador de sete dias anteriores ao torneio terá preferência, mas não será a única forma de seleção.

Depois de muitas discussões, a ATP e a ITF chegaram a um consenso e ficou acordado que os Slam obedeceriam o ranking para determinar os 32 cabeças, mas que a partir daí poderiam mexer na ordem dos cabeças conforme seu Comitê.

US Open também usou a regra
Foi exatamente essa regra que permitiu ao US Open do ano passado elevar Serena Williams na lista de cabeças, como Wimbledon já havia feito. Roland Garros também já cogitou  adotar isso em situações especiais, mas ainda não o fez.

O Slam britânico tem sido fiel às alterações no masculino, devido à escassez de torneios oficiais sobre a grama. Em 2002, após acordo com a ATP, fez surgir o chamado 'ranking da grama', em que bonifica o desempenho mais recente dos tenistas nos torneios sobre o piso. É esse ranking que estabelece a ordem dos cabeças desde então.

...
Comentários
Faberg
Roland Garros Series