Notícias | Dia a dia
Monteiro fica a uma vitória da chave de Wimbledon
26/06/2019 às 09h55

Monteiro é o sexto mais bem cotado no quali

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - O cearense Thiago Monteiro venceu mais uma no qualificatório de Wimbledon. Nesta quarta-feira, ele mediu forças com o norte-americano Christopher Eubanks, 197º do mundo, e venceu em sets diretos, com parciais de 7/6 (7-3) e 6/3, após 69 minutos de disputa.

“Foi um jogo muito bom. Saquei muito bem e encaixei boas devoluções nos momentos importantes. O tiebreak foi um momento bem duro. Ele é um cara que realmente não troca muito bola e saca muito bem. Estou muito feliz com o meu jogo e confiante para a próxima rodada,” disse o cearense.

Classificado para a última rodada, o cabeça de chave 6 do quali está a apenas uma vitória na chave principal. Seu último obstáculo na competição será o japonês Yosuke Watanuki, que bateu o compatriota Go Soeda por 2 sets a 0, com o placar final de 7/5 e 6/4.

“É a primeira vez que ganho jogos no qualifying aqui, apesar de já ter jogado a chave uma vez, então estou bem feliz. Para o jogo com o Watanuki que vem jogando muito bem, vou precisar estar forte mentalmente, já que aqui a última rodada do qualifying é melhor de 5 sets”, pontuou Monteiro.

Sem chances de quebra para qualquer um dos lados no primeiro set, a definição foi para o tiebreak, no qual Eubanks largou na frente e abriu 2-0. Contudo, o brasileiro reagiu e deu a volta por cima, devolveu o mini-break e acabou levando a melhor para fazer 1 a 0 no confronto.

A segunda parcial foi mais tranquila para Monteiro, que logo de cara conseguiu um break de frente e saiu marcando 3/0 sobre o norte-americano. Bastou então ao canhoto de Fortaleza administrar a vantagem conquistada até o final para sacramentar sua vitória.

Outros dois brasileiros ainda estarão em ação nesta quarta-feira na disputa do quali de Wimbledon. No masculino, o paulista Rogerio Silva enfrenta o francês Gregoire Barrer, ao passo que entre as mulheres a paulista Beatriz Haddad Maia duelará com a alemã Anna Zaja.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis