Notícias | Dia a dia
Tsonga diz ser um presente poder encarar Federer
19/06/2019 às 09h30

Halle (Alemanha) - Próximo adversário do suíço Roger Federer na grama do ATP 500 de Halle, o francês Jo-Wilfried Tsonga é um dos poucos jogadores no circuito que já conseguiram derrotar o tenista da Basileia pelo menos uma vez sobre este piso (Wimbledon 2011). Mesmo assim, ele entrará em quadra com enorme respeito pelo atual número 3 do mundo.

“Neste momento de minha carreira, poder enfrentar Roger é um presente. Será um grande desafio para mim, ele é muito bom, especialmente na grama. Também poderei ver como está o meu nível. Espero poder jogar um bom tênis”, comentou o francês, que teve uma temporada passada marcada por lesões e tenta agora reencontrar seu melhor tênis.

Aos 34 anos de idade, Tsonga já fui top 5, mas ocupa atualmente apenas a 77ª colocação no ranking. Em sua estreia em Halle, ele venceu o compatriota Benoit Paire. “Nunca é fácil contra ele, que é um cara talentoso e joga por intuição. Foi duro entrar no jogo, mas fui bem e fico feliz de ter conseguido sair com a vitória”, analisou

O tenista de Le Mans mais uma vez mostrou desenvoltura com o saque e com o potente forehand em sua estreia na grama alemã. “São minhas principais armas na grama, mas tenho tentado trabalhar em outras coisas também”, observou Tsonga, que anotou 16 aces e venceu 78% dos pontos de serviço em seu primeiro jogo na competição.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis