Notícias | Dia a dia
Anderson faz 19 aces e volta às quadras com vitória
17/06/2019 às 17h09

Anderson só perdeu quatro pontos com seu primeiro serviço

Foto: Divulgação

Londres (Inglaterra) - Depois de não ter atuado em nenhum torneio da temporada de saibro, por conta de lesão no cotovelo direito, Kevin Anderson voltou ao circuito com uma difícil vitória no ATP 500 de Queen's, em Londres. O sul-africano iniciou a temporada de grama vencendo o britânico Cameron Norrie, 49º do ranking, por 4/6, 7/6 (7-5) e 6/4 em 2h21 de partida.

Anderson estava sem jogar desde o Masters 1000 de Miami, em março. Número 8 do mundo, o sul-africano de 32 anos disputou apenas três torneios na atual temporada. Mas ele já conquistou um título em 2019, logo na primeira semana de janeiro, em Pune, na Índia.

Durante a difícil partida desta segunda-feira, Anderson disparou 19 aces e só perdeu quatro pontos quando colocou o primeiro serviço em quadra. Depois de ter sofrido uma quebra logo no game de abertura, o sul-africano não perderia mais nenhum game de saque, ainda que enfrentasse outros quatro break points. No último set, Anderson só perdeu dois pontos em seu saque e pressionou constantemente o serviço da rival até conseguir a quebra derradeira.

O próximo adversário de Anderson no torneio será o francês Gilles Simon, ex-top 10 e atual 38º do ranking, que derrotou o britânico vindo do quali James Ward por 3/6, 6/3 e 7/6 (7-2). O sul-africano já venceu Simon quatro vezes em cinco duelos anteriores.

Cilic e Medvedev também avançam na grama londrina
Atual campeão do torneio e número 15 do mundo, Marin Cilic estreou com vitória na competição. O croata marcou 6/1 e 7/6 (7-5) contra o chileno Cristian Garin. Seu próximo adversário será o argentino Diego Schwartzman, que marcou 6/2 e 6/3 contra o cazaque Alexander Bublik.

Quem também avançou foi Daniil Medvedev. Atual 13º do ranking, o jovem russo de 23 anos é o quarto favorito no torneio. Ele derrotou o canhoto espanhol Fernando Verdasco por 6/2 e 6/4 e agora espera pelo vencedor entre o francês Lucas Pouille e o convidado local Jay Clarke.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis