Notícias | Dia a dia
Jogadoras tentam se adaptar a dois pisos em torneio
15/06/2019 às 17h24

Garcia fez três jogos em quadras cobertas antes de estrear na grama

Foto: Divulgação

Nottingham (Inglaterra) - A situação do WTA de Nottingham tem sido absolutamente incomum durante a semana. Disputado na primeira semana da temporada de grama, o torneio tem sido bastante prejudicado por chuva e muitos jogos precisaram ser movidos para quadras duras e cobertas.

A medida é aprovada pelo regulamento da WTA para casos excepcionais. Depois do cancelamento das rodadas de segunda e terça-feira, os organizadores moveram as partidas de quarta e quinta para as quadras de piso duro. Já na última sexta-feira, apenas um jogo aconteceu na grama, dois foram em arenas cobertas e a partida entre Donna Vekic e Kristina Mladenovic aconteceu em dois pisos diferentes.

"Definitivamente foi uma semana louca para todas nós", disse a croata Donna Vekic, depois de vencer a semifinal deste sábado contra a alemã Tatjana Maria por 5/7, 6/0 e 6/0. "Mas todo mundo tem que lidar com as mesmas coisas. Eu estava apenas tentando me adaptar o melhor que pude e tentei manter o foco, independentemente das condições climáticas".

A semifinalista Caroline Garcia, que só pisou em uma quadra de grama neste sábado, também falou sobre a dificuldade de adaptação. "Os últimos dias foram complicados, mas é algo que afeta todo mundo", disse a francesa depois de vencer a estreia contra a britânica Naiktha Bains por 6/1 e 6/2 na última quarta-feira.

"Apenas tentamos nos adaptar à situação, tentamos ser mais positivas, tentamos aproveitar todos os aspectos positivos que podemos. Ainda é um torneio e aponta todos os turnos, então eu apenas luto por isso", acrescentou Garcia, que teve sua semifinal deste sábado, contra a norte-americana Jennifer Brady, suspensa por chuva. A francesa vencia por 4/6, 6/3 e 4/3.

Mladenovic jogou em quatro pisos em uma semana
Já a francesa Kristina Mladenovic brincou com a situação de ter atuado em vários pisos diferentes nos últimos dias. Isso porque ela foi campeã de duplas em Roland Garros no último domingo e também teve que se adaptar para o início da temporada de grama.

"Foram muitas reviravoltas. Começando pela final de duplas em Paris no domingo. No dia seguinte, eu vi a previsão do tempo para Nottingham, e decidi ficar em Paris e treinar em uma quadra de grama no meu clube. Pegamos o trem na segunda-feira à tarde".

"Na terça-feira, tive que treinar numa quadra de carpete. Minha estreia aqui em Birmingham seria o último jogo do dia e acabou sendo às 11h da noite em uma quadra dura e coberta", relembrou a francesa sobre a partida contra a polonesa Magdalena Frech pela rodada de estreia.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis