Notícias | Dia a dia
Djokovic coloca Nadal como o favorito para Paris
19/05/2019 às 19h13

Roma (Itália) - Superado na final do Masters 1000 de Roma pelo espanhol Rafael Nadal, que anotou o primeiro ‘pneu’ em 54 encontros entre eles, o sérvio Novak Djokovic tratou de enaltecer o algoz após a final. Ele garante que o canhoto de Mallorca segue como maior favorito ao título em Roland Garros e que todos os demais estão pelo menos um passo atrás na disputa.

“Nadal é o favorito número um para ganhar Roland Garros e só depois dele é que vêm todos os outros”, observou o líder do ranking, que também colocou outros nomes, além de si próprio, numa segunda leva de candidatos. Djokovic ressaltou o campeão de Barcelona, o austríaco Dominic Thiem, e o italiano Fabio Fognini, que conquistou a taça em Monte Carlo.

“Thiem também está mostrando um tênis muito bom e se estiver em um bom dia pode vencer qualquer um. Fognini também demonstrou sua capacidade em Monte Carlo. Acho que será um grande torneio e vou tentar vencer de novo lá, mas sem dúvida isso irá exigir muito de mim e precisarei dar o melhor desde o primeiro momento”, disse o sérvio.

Sobre o duelo deste domingo com o espanhol, ‘Nole’ lamentou um pouco o desgaste da semana e cutucou a programação feita pela organização do torneio. “Sempre tento respeitar a vitória do meu rival, mas é fato que a programação poderia ser melhorada. Não joguei o melhor hoje, mas ainda assim consegui lutar e isso é positivo”, argumentou, referindo-se ao fato de ter jogado à noite nas quartas e nas semifinais.

“O desafio era muito grande e eu não tinha pernas frescas. Além disso, disputei meus últimos três jogos à noite e as condições são completamente diferentes das que encaramos hoje”, acrescentou Djokovic, que também vinha de batalhas contra os argentinos Juan Martin del Potro e Diego Schwartzman nas rodadas anteriores, enquanto Nadal passava sem sustos por seus rivais.

Além de anotar um ‘pneu’ na final, o espanhol também conseguiu outros três 6/0 em sua campanha rumo ao título. “Rafa foi muito forte hoje, parabéns para ele e para toda sua equipe pelo ótimo trabalho feito durante a semana. Consegui ganhar um set na final e espero que o público tenha gostado de um bom jogo. Como de costume, jogar em Roma é sempre emocionante e por isso agradeço o apoio”, finalizou Djokovic.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis