Notícias | Outros
São Paulo vence Copa das Federações por 2 pontos
25/07/2018 às 16h58

13º título só veio no fim. RS ficou em segundo e Paraná em terceiro.

Foto: Thiago Parmalat/CBT

Uberlândia (MG) – Por uma diferença de apenas 2 pontos para o segundo colocado na classificação geral e uma vitória conquistada no match tie-break na decisão da última categoria, o Estado de São Paulo sagrou-se campeão pela 13ª vez da Copa das Federações, nesta terça-feira, no Praia Clube, em Uberlândia. Com 104 pontos, a equipe paulista conquistou três categorias: 12 anos feminino, 18 anos feminino e 18 anos masculino (além de 9 e 10 anos feminino e 10 anos masculino, que não pontuam). Rio Grande do Sul foi o segundo colocado com 102. Paraná ficou com a terceira colocação com 94.

Após quatro dias de jogos equilibrados e disputas acirradas, a decisão do título ficou para a definição da última categoria, a 18 anos masculina, que teve São Paulo contra Santa Catarina. Os paulistas dependiam apenas deles para erguerem mais uma vez o troféu. Uma vitória catarinense daria o título para os gaúchos. Santa Catarina venceu o primeiro jogo de simples com Mateo Reyes e Rafael Silva ganhou para São Paulo e igualou o placar. Nas duplas, Rafael e Raí Araújo levaram a melhor sobre Mateo e Leonardo Frederico e venceram o match tie-break por 10-6, garantindo o título para os paulistas.

"A gente vem sempre tentando fazer o nosso melhor, mas este ano era um consenso que não estávamos tão fortes quanto nos anos anteriores. Mas as coisas foram acontecendo, fomos ganhando os jogos, os confrontos. No último jogo, estávamos ganhando e o Raí sentiu a virilha. Ali pensei que ele seria obrigado a abandonar e que perderíamos o título, mas ele foi guerreiro, suportou bem, jogou até o final e fomos campeões", comemorou o presidente da Federação Paulista, Luiz Fernando Balieiro.

Ao todo, o torneio reuniu 368 atletas e 93 equipes de 18 Estados durante quatro dias de competição, no Praia Clube, que também sediou o G1 do Campeonato Brasileiro, na semana passada. Uberlândia segue sendo a capital do tênis brasileiro até domingo. Nesta quarta-feira começa o GA do Brasileirão, torneio de graduação máxima do calendário infantojuvenil nacional.

Classificação final da Copa das Federações

 1º Lugar: São Paulo – 104 pontos 

2º Lugar: Rio Grande do Sul – 102 pontos

3º Lugar: Paraná – 94 pontos

4º Lugar: Minas Gerais – 86 pontos

5º Lugar: Santa Catarina – 66 pontos

6º Lugar: Distrito Federal – 46 pontos

7º Lugar: Rio de Janeiro – 38 pontos

8º Lugar: Mato Grosso do Sul – 32 pontos

9º Lugar: Espírito Santo – 28 pontos

10º Lugar: Goiás – 20 pontos

11º Lugar: Mato Grosso – 18 pontos

12º Lugar: Pernambuco/Rio Grande do Norte – 16 pontos

14º Lugar: Alagoas – 10 pontos

15º Lugar: Tocantins – 06 pontos

16º Lugar: Bahia – 04 pontos

17º Lugar: Amapá – 02 pontos

CAMPEÕES DE CADA CATEGORIA

9F
Campeão: São Paulo
Vice: Paraná
3º lugar: Goiás

9M
Campeão: Goiás
Vice: Distrito Federal
3º lugar: Paraná

10F
Campeão: São Paulo
Vice: Distrito Federal
3º lugar: Paraná

10M
Campeão: São Paulo
Vice: Paraná
3º lugar: Goiás

12F
Campeão: São Paulo
Vice: Santa Catarina
3º lugar: Minas Gerais

12M
Campeão: Rio Grande do Sul
Vice: Minas Gerais
3º lugar: São Paulo

14F
Campeão: Paraná
Vice: São Paulo
3º lugar: Distrito Federal

14M
Campeão: Rio Grande do Sul
Vice: Paraná
3º: lugar: Minas Gerais

16F
Campeão: Rio Grande do Sul
Vice: Paraná
3º lugar: Santa Catarina

16M
Campeão: RJ
Vice: Rio Grande do Sul
3º lugar: São Paulo

18F
Campeão: São Paulo
Vice: Minas Gerais
3º lugar: Rio Grande do Sul

18M
Campeão: São Paulo
Vice: Santa Catarina
3º lugar: Paraná

12M Divisão B
Campeão: Rio Grande do Norte
Vice: Mato Grosso
3º lugar: Mato Grosso

14M Divisão B
Campeão: Distrito Federal
Vice: Goiás
3º lugar: Mato Grosso do Sul

16M Divisão B
Campeão: Alagoas
Vice: Santa Catarina
3º lugar: Mato Grosso do Sul

18 Masculino Divisão B
Campeão: Mato Grosso do Sul
Vice: Espírito Santo
3º lugar: Mato Grosso

Comentários
Raquete novo
Suzana Silva