Notícias | Dia a dia
Stich e Sukova entram para o Hall da Fama
21/07/2018 às 18h23

Stich e Sukova receberam suas medalhas

Foto: Divulgação

Newport (EUA) - Com acontece anualmente, o Hall da Fama aproveitou o final de semana de decisões no ATP de Newport para agregar importantes nomes do tênis a sua vasta galeria. Deste vez, os indicados foram o alemão Michael Stich e a tcheca Helena Sukova, que participaram da cerimônia e receberam suas medalhas e certificados.

Stich foi campeão de Wimbledon em 1991 em cima do compatriota Boris Becker e chegou às finais também do US Open (1994) e de Roland Garros (1996), tendo atingido o número 2 do ranking internacional em seu melhor momento. Stich encerrou carreira com 18 títulos de primeira linha. Ele é o quinto germânico a entrar para o Hall, seguindo Gottfried von Cramm, Hans Nusslein, Boris Becker e Steffi Graf.

Sukova por sua vez não ganhou título individual de Grand Slam, tendo perdido as quatro finais que disputou para Graf, Chris Evert e Martina Navratilova. Em dupla, no entanto, fez grande sucesso e faturou 14 Slam, sendo nove em duplas femininas. Chegou a número 4 do ranking em 1985.

Os tenistas que entram para o Hall são selecionados anualmente por um comitê, que analisa as candidaturas indicadas. Até 1975, apenas norte-americanas eram selecionados. Os organizadores decidiram mudar o critério para 2019 e criou um padrão automático, tendo direito ao Hall quem ganhar cinco Slam de simples ou 15 de duplas, ou três Slam e ter sido número 1 por ao menos 13 semanas; ou ter vencido 12 Slam de duplas e liderado o ranking por ao menos 52 semanas.

Maria Esther Bueno e Gustavo Kuerten são os dois brasileiros incluídos até hoje no Hall.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis