Notícias | Dia a dia | Roland Garros
Vitórias seguidas em cinco sets animam Zverev
01/06/2018 às 19h43

Zverev chega às oitavas em um Grand Slam pela segunda vez na carreira

Foto: Divulgação

Paris (França) - Vindo de duas vitórias seguidas em duelos de cinco sets, sobre Dusan Lajovic e Damir Dzumhur, Alexander Zverev chega embalado às oitavas de final de Roland Garros. A campanha em Paris já iguala seu melhor resultado da carreira em Grand Slam e os jogos difíceis dão confiança para a segunda semana em Paris.

"Foi importante ver por mim mesmo que posso ganhar duas partidas de cinco sets consecutivas e que foram muito difíceis fisicamente", disse Zverev após vencer Dzumhur nesta sexta-feira por 6/2, 3/6, 4/6, 7/6 (7-3) e 7/5. "Eu estava me sentindo muito bem e isso me dá muita confiança. Sei que estou em forma o suficiente para aguentar o quanto eu quiser".

Tal como aconteceu na rodada passada, quando também tinha uma desvantagem no placar, Zverev explicou que para lidar mentalmente com a situação, o foco foi pensar em cada ponto. O alemão viu o rival sacar para o jogo no quarto set e salvou um match point na parcial decisiva. "O que eu mais pensando às vezes era sobre o que eu teria para almoçar", brincou o jovem de 21 anos.

"Você tenta ganhar cada ponto, você tenta ganhar cada game. Você não fica pensando, 'Oh, como eu vou virar esse jogo?' Você apenas tenta ganhar cada ponto exato para continuar o jogo", acrescentou o número 3 do ranking mundial. "Isso é mais o que está acontecendo na sua cabeça. Eu não fico pensando 'O que eu vou fazer no terceiro set ou no quarto set?'. Não é assim que funciona".

Zverev também destacou o espírito de luta de Dzumhur, a quem enfrentou pela segunda vez e para quem havia perdido no ano passado, em Shenzhen. "Ele é um adversário difícil, não importa onde você joga contra ele, mas especialmente neste piso e especialmente em partidas longas".

"Eu não fiquei surpreso. Nunca é fácil. É um Grand Slam. As pessoas jogam seu melhor tênis nesses torneios, especialmente em quadras grandes e contra oponentes de melhor ranking", complementou o alemão, que enfrenta nas oitavas de final o vencedor da partida entre o francês Lucas Pouille e o russo Karen Khachanov.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series