Notícias | Dia a dia
Atual vice-campeão, Djokovic arrasa na estreia
14/05/2018 às 12h08

Djokovic manteve invencibilidade contra Dolgopolov

Foto: Divulgação

Roma (Itália) - Assim como fez nas outras cinco vezes que enfrentou o ucraniano Alexandr Dolgopolov, o sérvio Novak Djokovic saiu de quadra com a vitória no duelo entre eles pela primeira rodada do Masters 1000 de Roma. Nesta segunda-feira, o ex-número 1 do mundo não teve trabalho para superar o rival e anotou parciais de 6/1 e 6/3, em apenas 56 minutos de jogo.

Vice-campeão no saibro romano no ano passado, o ex-número 1 do mundo defende 600 pontos nesta semana e por isso precisa de uma boa campanha no torneio para não apenas permanecer no top 20, mas para garantir um lugar entre os 32 cabeças de chave em Roland Garros. Mesmo com a vitória na estreia, ele está caindo provisoriamente para o 33º posto.

Depois de passar sem sustos pelo primeiro obstáculo na competição, 'Nole' espera agora pelo vencedor da partida envolvendo dois jogadores vindos do quali, que de um lado terá o georgiano Nikoloz Basilashvili e do outro o atleta da casa Filippo Baldi, de 22 anos e atual 370 do mundo.

Dianite de um adversário muito sem ritmo - fez apenas dois sets desde o Australian Open -, Djokovic sobrou. Dolgopolov acelerou o jogo como de hábito, mas se mostrou muito falho o tempo todo, principalmente porque insistiu em atuar em cima da linha de base e recebia bolas profundas do sérvio. Sua única chance veio no terceiro game do segundo set, quando conseguiu um break-point, mas daí em diante Djokovic voltou a sacar muito bem.

Além do sérvio de chave 11, também avançaram David Goffin e Pablo Carreño, respectivamente nono e décimo pré-classificados. O belga foi o que teve vida mais fácil, despachando o argentino Leonardo Mayer com tranquilos 6/1 e 6/2. Já o espanhol precisou de três sets para tirar o norte-americano Jared Donaldson, contra que marcou parciais de 6/4, 3/6 e 6/0.

Na segunda rodada, Goffin vai encarar o vencedor da partida entre o convidado da casa Marco Cecchinato e o uruguaio Pablo Cuevas. Por sua vez, Carreño terá pela frente um tira-teima com o norte-americano Steve Johnson, contra quem jogou duas vezes com uma vitória para cada lado.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva