Notícias | Dia a dia
Atletas da casa se dão mal no ATP de Budapeste
24/04/2018 às 14h44

Fucsovics era o cabeça de chave 6 do torneio

Foto: Divulgação

Budapeste (Hungria) - Os três representantes da casa no ATP 250 de Budapeste estrearam nesta terça-feira, dois deles foram eliminados e um está a um game do mesmo caminho. Nem o cabeça de chave número 6 Marton Fucsovics, que até saiu na frente do lucky-loser alemão Yannick Maden, conseguiu ter uma sorte melhor e acabou levando a virada com parciais de 4/6, 6/3 e 6/2.

Depois de entrar na chave mesmo perdendo na última do quali e vencer o favorito húngaro na primeira rodada, Maden escapou de encarar na próxima fase o sérvio Viktor Troicki, que foi surpreendido na estreia pelo alemão Maximilian Marterer também de virada, com o placar final de 3/6, 6/4 e 6/4.

O segundo atleta local a se despedir da competição foi Atila Balazs, que lutou por três sets com o italiano Matteo Berrettini e foi derrotado com 6/4, 3/6 e 7/6 (7-4). O algoz do húngaro terá pela frente o esloveno Aljaz Bedene, quinto pré-classificado, que derrotou de virada o romeno Mariusz Copil ao anotar parciais de 6/7 (3-7), 7/5 e 6/3.

Mais tarde foi a vez de Zsombor Piros fechar o dia para os húngaros. Ele ficou a um game do adeus, mas viu seu jogo ser interrompido por falta de luz natural quando o veterano russo Mikhail Youzhny sacava com 6/3 e 5/3. O vencedor dete embate medirá forças com o italiano Andreas Seppi, oitavo favorito, que bateu o compatriota Thomas Fabbiano de virada, com 4/6, 7/5 e 6/3.

Sétimo mais bem cotado, o alemão Jan-Lennard Struff fez valer o favoritismo e derrubou o estoniano Jurgen Zopp em mais uma virada, fechada com parciais de 2/6, 6/4 e 7/5. Ele agora vai enfrentar o convidado cazaque Alexander Bublik, outro que venceu de virada ao marcar 6/7 (6-8), 7/6 (7-5) e 7/5 para cima do uzbeque Denis Istomin.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva