Notícias | Dia a dia
Zverev revela ter entrado em contato com Lendl
15/04/2018 às 11h50

Zverev rompeu com Ferrero em no fim de fevereiro

Foto: Arquivo

Monte Carlo (Mônaco) - Menos de dois meses após encerrar a parceria com o espanhol Juan Carlos Ferrero e seguir treinando apenas com seu pai, o alemão Alexander Zverev revelou conversas com um dos grandes nomes da história do tênis: o tcheco naturalizado norte-americano Ivan Lendl, que esteve ao lado de Andy Murray na melhor fase do britânico.

"Jantamos uma vez com Lendl, mas principalmente porque ele conhece muito bem meu fisioterapeuta. De toda forma, sei que houve contatos importantes entre os dois (Lendl e o pai de Zverev) e existe uma possibilidade", comentou o número 4 do mundo, que nesta semana disputa o Masters 1000 de Monte Carlo, seu primeiro evento do ano no saibro.

Apesar da possibilidade, o jovem alemão faz questão de destacar o trabalho de seu pai, que também treina o irmão mais velho Mischa. "Já tenho o melhor treinador do mundo, que é meu pai. Ele já foi capaz de levar dois jogadores diferentes ao top 30, com diferentes estilos de jogo, e um dele foi capaz de ganhar um par de Masters 1000", disse.

Zverev é o terceiro pré-classificado no saibro monegasco e entra direto na segunda rodada, esperando o vencedor da partida entre o compatriota Florian Mayer e o luxemburguês Gilles Muller. Contra o veterano alemão, o tenista de 20 anos jogou uma vez e foi derrotado, mesmo retrospecto negativo que tem contra Muller.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva