Notícias | Dia a dia
Bellucci cai para 286º colocado e perderá posições
30/03/2018 às 00h36

Bellucci teve dificuldades com o saque e permitiu quatro quebras

Foto: Divulgação

San Luis Potosí (México) - Ainda sem resultados expressivos na atual temporada, Thomaz Bellucci foi eliminado nas oitavas de final do challenger mexicano de US$ 50 mil disputado no saibro de San Luis Potosí. Cabeça de chave número 4, Bellucci caiu diante do colombiano de 21 anos e 286º do ranking Daniel Galan por duplo 6/3 em 1h26 de partida.

A precoce eliminação fará com que Bellucci caia no ranking. Ex-número 21 do mundo e atual 135º colocado, o paulista de 30 anos tinha 25 pontos a descontar na próxima segunda-feira, mas defendeu apenas seis pontos e pode perder em torno de dez posições quando a lista for atualizada.

Após a disputa do challenger mexicano, Bellucci terá uma semana livre para treinos ao lado do técnico André Sá. Ele se prepara para defender os 150 pontos do vice-campeonato no ATP 250 de Houston, onde disputará o quali, e depois disputa dois challengers nos Estados Unidos em Sarasota e Tallahassee.

Embora o histórico de Bellucci em locais que combinam quadras de saibro e altitude seja positivo, o paulista não parecia estar tão bem adaptado às condições do torneio mexicano e cometia muitos erros não-forçados. Enquanto isso, Galan começou a partida sacando muito bem e disparou seis aces em seus três primeiros games de serviço.

Depois de perder o primeiro break point da partida, Bellucci fez um game de saque muito ruim e permitiu ao colombiano a única quebra de todo o set inicial. A situação ficou ainda mais complicada para o ex-top 30 quando Galan quebrou no game de abertura da parcial seguinte.

Com boas devoluções, Bellucci conseguiu reagir logo na sequência, mas seguia tendo dificuldades com o saque. O paulista venceu apenas nove dos 27 pontos jogados com o segundo serviço, sendo que no segundo set foram apenas quatro pontos em dezesseis possíveis. Assim, o canhoto de Tietê outros sete break points em toda a parcial. Galan, que também sustentava melhor as trocas de bola, conseguiu mais duas quebras e comemorou a vitória.

Após a eliminação de Thomaz Bellucci, o único brasileiro no torneio passa a ser Pedro Sakamoto. Vindo do qualificatório, o paulista de 24 anos e 441º do ranking está nas quartas de final e atua por volta das 16h30 (de Brasília) desta sexta-feira contra o 265º colocado britânico de 19 anos Jay Clarke.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva