Notícias | Dia a dia
Cilic e Dimitrov se juntam a Nadal no Queen's Club
06/03/2018 às 10h27

Cilic já venceu o torneio uma vez em 2012

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - O tradicional ATP 500 de Londres, que serve de aquecimento para Wimbledon e é disputado na grama do tradicional Queen's Club terá a presença de três dos atuais top 5. Além de contar com o já garantido espanhol Rafael Nadal, a competição confirmou nesta terça-feira a presença do croata Marin Cilic e do búlgaro Grigor Dimitrov, atuais número 3 e 4 do ranking.

Além dos três, outro nome de peso já assegurado na competição é o do atleta da casa Andy Murray, que não joga desde Wimbledon, no ano passado, e que no começo de 2018 fez uma cirurgia no quadril. O escocês deverá voltar apenas na temporada de grama e o torneio de Queen's será um dos primeiros em seu retorno.

Campeão em 2012, derrotando o espanhol Feliciano López na final, Cilic celebrou mais uma participação sua no evento. "Estou orgulhoso de dizer que estarei lá mais uma vez. É um dos melhores torneios que joguei e que sempre disputo desde jovem. Lá é um lugar especial para mim", falou o croata de 29 anos.

Dimitrov, que teve sucesso na capital inglesa no ano passado, faturando o ATP Finals, sua maior conquista da carreira, destacou sua volta a Londres. "Estou motivado e querendo jogar ainda melhor em Queen's, bem como também em Wimbledon", comentou o búlgaro.

"Marin e Grigor foram dois jogadores aos quais demos convites no passado e que agora nos devolvem nossa generosidade participando anualmente do nosso torneio. Ambos têm uma carreira fantástica e serão novamente bem-vindos", afirmou Stephen Farrow, o diretor do torneio.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva