Notícias | Outros
Porto Alegre: Brasil garante presença na final dos 16
01/03/2018 às 16h25

Gustavo Heide passou pelo cabeça 3.

Foto: Miriam Jeske/Heusi Action

Porto Alegre (RS) - Três brasileiros estão garantidos nas semifinais da categoria 16 anos masculino do Juvenil de Porto Alegre. Uma das partidas desta sexta-feira reunirá o mineiro Bruno Oliveira e o catarinense Pedro Boscardin, o que já garante a presença de um brasileiro na final. A outra semifinal também tem presença de brasileiro. O paulista Gustavo Heide joga contra o uruguaio Francisco Llanes, sétimo favorito. Os jogos acontecem com entrada gratuita na Sogipa.

Principal favorito ao título, Bruno Oliveira ganhou do argentino Ezequiel Monferrer, cabeça de chave 11, por 6/3 e 6/4 e passou de fase na competição. O mineiro acredita que a calma foi primordial na vitória. "Ele começou melhor no inicio dos dois sets, mas tive paciência para reverter a situação e consegui me impor no final. Já são três vitórias no torneio, estou indo etapa a etapa, energia boa esta semana e focado para ganhar o campeonato", avaliou.

Outro candidato que venceu foi Pedro Boscardin Dias. O catarinense venceu o uruguaio Juan Fumeaux, com parciais de 6/4 e 6/1. O tenista acredita que fez a melhor partida no torneio. " Estou me sentindo bem aqui em Porto Alegre, crescendo jogo a jogo, sei que tenho chance de ganhar a competição. Ainda estou na briga do caneco e na vaga da gira européia," comentou o campeão de 14 anos ano passado que tenta uma das quatro vagas para jogar no meio de ano no Circuito Europeu.

Quem também esta numa fase boa é Gustavo Heide. O paulista ganhou de outro favorito. Depois de passar pelo cabeça de chave número cinco, hoje venceu o argentino Matias Iturbe, terceiro pré-classificado, placar de 6/2 6/4. Para ele a tática planejada com seu treinador deu certo. "Sabia que precisava atacar bastante, não só passar bola, variar bastante o saque. Fora ontem, que joguei um pouco abaixo, toda semana estou me sentindo bem e hoje elevei o nível do meu tênis. Semana passada também fiz semifinal, agora quero ir mais longe," esclareceu.

Semifinal
Bruno Oliveira (BRA/1) x Pedro Boscardin (BRA/8)
Gustavo Heide (BRA/8) x Francisco Llanes (URU/7)

Brasil fora na categoria 14 anos masculino

Assim como no feminino, o Brasil não terá representantes nas semifinais da categoria 14 anos. O paranaense Murilo Burckhardt, único que ainda tinha chance de título, foi eliminado na manhã desta quinta-feira, na Sogipa, pelo principal favorito, o paraguaio Adolfo Vallejo, em dois sets, placar de 6/2 e 6/1. Vallejo joga contra o argentino Lautaro Midon, terceiro cabeça de chave, valendo vaga na final. O segundo favorito teve um jogo mais duro, decidido apenas no tiebreak do terceiro set, mas também chegou na semifinal. Gonzalo Bueno venceu o chileno Nicolas Valdez, cabeça 10, por 6/2, 4/6 e 7/6 (8/6). Na próxima fase, o confronto é contra o colombiano Nicolas Nino, quarto do ranking Cosat.

Semifinal
Adolfo Vallejo (PAR/1) x Lautaro Midon (ARG/3)
Gonzalo Bueno (PER/2) x Nicolas Nino (COL/4)

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis