Notícias | Outros
Reis cai nas quartas e Brasil se despede do Banana
22/02/2018 às 16h24

Reis era o último brasileiro na chave do tradicional torneio juvenil

Foto: Matheus Joffre/CBT

Criciúma (SC) - A participação brasileira na categoria 18 anos do 48º Banana Bowl chegou ao fim nesta quinta-feira com a queda de João Lucas Reis nas quartas de final. O pernambucano de 17 anos se despediu do torneio ITF G1 disputado nas quadras de saibro da Sociedade Recreativa Mampituba, na cidade catarinense Criciúma.

Vindo de duas boas vitórias na competição e único brasileiro nas quartas, Reis fez uma partida equilibrada contra o cabeça 9 francês Clement Tabur, que venceu com parciais de 7/6 (7-4) e 7/6 (7-5). Atual 33º do ranking mundial juvenil, o pernambucano recebe 60 pontos, mas tem que descartar 50 de seu sexto e último resultado válido.

Com a eliminação do último brasileiro na chave masculina de simples, será a terceira edição seguida sem títulos de jogadores da casa. O gaúcho Orlando Luz foi o último anfitrião a vencer o mais tradicional torneio juvenil disputado no país, ao conquistar o bicamepeonato em 2014 e 2015.

Algoz de Reis nas quartas de final, Tabur disputa a semi contra o vencedor da partida entre o argentino Juan Manuel Cerundolo e o norte-americano Tristan Boyer. Outros dois argentinos já estão nas semifinais e vão disputar uma vaga na decisão. Principal cabeça de chave, Sebastian Baez marcou 7/6 (7-3) e 7/5 contra o suíço Damien Wenger e vai enfrentar o compatriota Facundo Diaz Acosta, que derrotou o estoniano Daniil Glinka por 6/1 e 6/3.

A chave feminina já não tinha mais brasileiras desde a eliminação de Ana Luiza Cruz ainda na segunda rodada, disputada na última terça-feira. Principal favorita, a colombiana Maria Camila Osorio Serrano derrotou a russa Varvara Gracheva por 6/2, 5/7 e 6/3 e vai enfrentar a norte-americana Vanessa Ong que venceu a compatriota Hailey Baptiste por 6/2 e 6/4.

Do outro lado da chave, outras duas norte-americanas avançaram. Cabeça de chave número 2, Alexa Noel derrotou a irlandesa Georgia Drummy por 6/2, 3/6 e 7/6 (7-4) e garantiu o duelo estadunidense contra Kacie Harvey, que passou com duplo 6/2 pela francesa Olympe Lancelot.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis