Notícias | Dia a dia | Rio Open
Cilic celebra boa adaptação ao saibro do Rio Open
19/02/2018 às 23h01

Cilic é o cabeça de chave 1 no torneio carioca

Foto: Fotojump
Felipe Priante

Rio de Janeiro (RJ) - Em seu primeiro jogo do ano no saibro, o croata Marin Cilic teve trabalho no começo, mas depois conseguiu impor seu jogo e derrotou o argentino Carlos Berlocq. Cabeça de chave número 1 no Rio Open, ele teve que salvar três break-points logo no game inicial para mais tarde derrubar o rival em sets diretos.

"No primeiro game ele saiu de 0-40, nunca é fácil começar um torneio em condições novas. Foquei no meu jogo e iria continuar assim mesmo se tivesse uma quebra contra", analisou o croata. "Estou me sentido bem, foi minha primeira partida no saibro e acho que foi boa, deu para sentir a bola. Joguei bem e fui bem nos momentos importantes jogando de forma agressiva", completou Cilic.

Apesar do triunfo por 2 a 0, o atual número 3 do mundo tratou de elogiar o rival. "Carlos é um grande jogador de saibro e no começo teve algumas chances de quebras não converteu", disse o croata, que agora tem duas vitórias em dois encontros com o argentino.

Na segunda rodada, ele espera pelo vencedor da partida entre o argentino Horacio Zeballos e o francês Gael Monfils. "Já joguei contra os dois, Zeballos é canhoto, joga bem no saibro e tem um estilo bastante completo. Gael eu conheço bem, ele é atlético e rápido, muito legal de se ver. Para mim, o importante é concentrar no que tenho que fazer", avaliou o tenista de 29 anos.

Cilic revelou estar bastante confortável com o entorno que encontra fora de quadra no Rio Open. "O hotel é perto da praia e toda manhã dá para apreciar a vista. Ainda não fui dar um mergulho. Gosto desses torneios que são perto da costa, me lembra um pouco a Croácia e acho que é uma boa combinação. Dá para ter bons momentos e relaxar", encerrou.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series