Notícias | Dia a dia
Monteiro marca primeira vitória brasileira em Quito
06/02/2018 às 16h57

Monteiro não teve o saque quebrado no jogo desta terça-feira

Foto: Divulgação

Quito (Equador) - Após as eliminações de Thomaz Bellucci e Rogério Dutra Silva na última segunda-feira, Thiago Monteiro marcou a primeira vitória brasileira no ATP 250 de Quito. O cearense avançou no saibro da capital equatoriana ao vencer um duelo de canhotos contra o argentino Horacio Zeballos, 66º do mundo e cabeça 5 do torneio, por 6/4 e 7/6 (10-8) em 1h39 de partida.

Monteiro conseguiu a segunda vitória no ano em chaves principais de ATP, repetindo o resultado de Pune, na Índia, na primeira semana da temporada. Ele também passou por duas rodadas do quali no torneio indiano e venceu na última sexta-feira o dominicano Roberto Cid Subervi em duelo pelo Zonal Americano I da Copa Davis.

Garantido nas oitavas em Quito, Monteiro enfrentará o vencedor da partida entre o lucky-loser italiano Alessandro Giannessi e o o canadense Peter Polansky. O cearense perdeu o único duelo anterior para Polansky, no challenger chinês de Ningbo no ano passado, enquanto uma eventual partida contra Giannessi seria inédita.

A vitória desta terça-feira vale 20 pontos no ranking para Monteiro. Ainda que o cearense não defenda nada nesta semana, ele precisaria descartar dez pontos de seu décimo oitavo e último resultado válido. Atual 118º do ranking, o canhoto de 23 anos teve como recorde pessoal o 74º lugar alcançado em fevereiro da temporada passada.

O começo de partida foi muito firme para Monteiro, que comandou as ações do fundo de quadra, quebrou cedo e perdeu apenas cinco pontos em seus quatro primeiros games de serviço. Sacando para fechar o set e vendo o rival apostar em algumas variações, com drop shots, slices e algumas bolas mais altas, o cearense foi ameaçado e chegou a salvar um break point, mas conseguiu definir a parcial.

O segundo set foi de amplo domínio dos sacadores, que chegaram ao tiebreak com três aces para cada lado e nenhuma oportunidade de quebra. Até mesmo no game-desempate, os dois sul-americanos vinham confirmando seus serviços. Durante as trocas de vantagem, Monteiro chegou a seu primeiro match point, mas errou uma devolução. Pouco depois, ele precisou salvar dois set points e teve uma nova chance de definir a partida após uma dupla-falta do rival. Ao manter seu ótimo desempenho no saque, já que não sofreu nenhuma quebra na partida, ele aproveitou a segunda oportunidade de vencer o jogo em sets diretos.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva