Notícias | Dia a dia
Na volta, Bellucci perde outra vez para Estrella
06/02/2018 às 01h37

Bellucci não vence partidas desde julho do ano passado

Foto: ATP

Quito (Equador) - Pelo quarto ano seguido, Thomaz Bellucci encerrou sua participação no ATP 250 de Quito com uma derrota para Victor Estrella. Mas diferente de outras edições, quando o encontro aconteceu em duas semifinais e uma final, os dois se enfrentaram ainda na primeira rodada do torneio e o dominicano venceu de virada, por 4/6, 6/4 e 6/2, após 1h55 de disputa.

A partida desta segunda-feira marcou a volta de Bellucci às quadras depois de cumprir cinco meses de suspensão. O paulista não vence desde julho, quando passou por Alexandr Dolgopolov e Jan-Lennard Struff na campanha até as quartas de final para o ATP 250 de Kitzbuhel, na Áustria.

A queda precoce no torneio equatoriano também faz com que Bellucci perca posições preciosas no ranking. Ex-número 21 e atual 108º colocado, o paulista de 30 anos defendia 90 pontos da semifinal do ano passado e deve ser ultrapassado por mais de 25 concorrentes.

Por outro lado, Estrella Burgos mantém seu perfeito histórico na capital do Equador. O dominicano de 37 anos e atual número 86 do mundo acumula agora dezesseis vitórias seguidas em Quito. Seu próximo adversário virá do duelo entre o austríaco Gerald Melzer e o italiano Marco Cecchinato.

Após trocas seguidas de quebra no começo da partida, Bellucci assumiu o comando do placar no sétimo game. Tirou outro serviço para fechar o set, com 61% de acerto do primeiro saque e apenas cinco desses pontos perdidos. Na outra série, o jogo veio equilibrado até Bellucci cometer muitos erros e perder o serviço. Ainda teve 0-40 para empatar no 10º game, mas Estrella sacou muito bem sob pressão.

O brasileiro perdeu intensidade e sofreu quebra logo no início do terceiro set, o que permitiu ao dominicano administrar a vantagem até o fim. Foi a quinta derrota do brasileiro diante de Estrella. Além de Quito, ele também venceu num challenger em Bogotá há cinco anos.

A queda de Bellucci e a derrota do também paulista Rogério Silva por 7/5 e 6/4 para o eslovaco Andrej Martin fazem com que o Brasil só tenha mais um jogador em Quito. O cearense Thiago Monteiro estreia às 15h (de Brasília) contra o argentino Horacio Zeballos.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis