Notícias | Copa Davis
Cazaquistão elimina a Suíça e permanece na elite
03/02/2018 às 11h34

É a quinta vez que o Cazaquistão chega às quartas de final da Davis

Foto: Divulgação

Astana (Cazaquistão) - O cazaquistão é o primeiro país a se garantir nas quartas de final da Copa Davis. Em duelo disputado em quadra dura e coberta na capital Astana, os cazaques eliminaram a suíça por 3 a 0 após a vitória no jogo de duplas. Timur Khabibulin e Aleksandr Nedovyesov levaram a melhor sobre Marc-Andrea Huesler e Luca Margaroli por 6/4, 6/4, 3/6, 6/7 (5-7) e 6/3.

Com a vaga nas quartas pela quinta vez, o Cazaquistão espera pela definição do confronto entre Croácia e Canadá para conhecer seus próximos adversários e tentar vaga em uma inédita semifinal de Copa Davis. Certo mesmo é que o cazaques vão jogar fora de casa, já que tiveram azar nos dois sorteios de mando de campo contra os possíveis adversários.

De quebra, o Cazaquistão garantiu a permanência no Grupo Mundial da Davis. Desde seu primeiro acesso em 2010, o país disputou seis edições seguidas da competição na divisão de elite até ser rebaixado em 2016. A volta ao Grupo Mundial viria no ano passado após vitórias sobre China e Argentina.

Enquanto o Cazaquistão levou à quadra para o confronto nomes experientes como Mikhail Kukushkin e Aleksandr Nedovyesov, além dos jovens Dmitry Popko, Roman Khassanov e Timur Khabibulin, a suíça não teve nenhum dos jogadores da equipe campeã em 2014. O melhor jogador da equipe de Severin Luthi foi o 123º colocado Henri Laaksonen. Também estavam no time Adrian Bodmer (485º), Marc-Andrea Huesler (606º), Antoine Bellier (733º) e Luca Margaroli (850º).

Comentários
Faberg
Roland Garros Series