Notícias | Dia a dia
Hewitt: 'Tomic está em buraco do qual pode não sair'
31/01/2018 às 15h20

Hewitt não vê espaço para Tomic no time da Davis

Foto: Arquivo

Brisbane (Austrália) - Capitão australiano na Copa Davis e um dos maiores apoiadores de Bernard Tomic, apesar de todas as trapalhadas já feitas por ele até então, o ex-número 1 do mundo Lleyton Hewitt parece ter perdido a paciência com o problemático compatriota, tanto que não vem lembrando de seu nome nas convocações.

"Todos sabem que ele não seria de ajuda neste momento. Acho bem difícil que volte ao time da Copa Davis", declarou Hewitt em entrevista à BBC. Neste fim de semana, o capitão irá comandar seu time na primeira rodada da tradicional competição entre nações enfrentando a Alemanha de Alexander Zverev dentro de casa.

Hewitt não poupou críticas para o tenista de 25 anos, que vem dando uma declaração mais desastrada do que a outra e recentemente chegou a entrar em um reality show, onde durou apenas quatro dias. "Ele não apenas está perdendo o seu tempo como o de todos os que estão a sua volta", disparou o ídolo australiano.

"Ele está cavando um enorme buraco para si mesmo do qual pode nunca mais conseguir sair. Tomic cometeu muitos erros em sua vida e para se recuperar vai precisar percorrer uma longa jornada", acrescentou o ex-número 1 do mundo, que voltou a cobrar mais comprometimento de Tomic, lembrando que este deixou de disputar o playoff australiano que dava um lugar direto na chave principal do Australian Open.

Atual 168 do mundo, Tomic não quis tentar um lugar da disputa local, acabou não levando um convite da organização, principalmente por causa de seu comportamento recente, e teve que buscar a vaga no quali. Ele chegou até a última rodada, mas foi superado pelo italiano Lorenzo Sonego e viu o Australian Open pela televisão.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva