Notícias | Dia a dia
Alves e Ferreira nas quartas, Final goiana nos 16 anos
26/01/2018 às 07h20

Alves tenta alcançar sua segunda semifinal seguida em torneios ITF G1

Foto: Arquivo

Barranquilla (Colômbia) - O paulista Mateus Alves e o mineiro João Ferreira estão nas quartas de final do ITF G1 disputado no saibro colombiano de Barranquilla. O torneio acontece já na semana seguinte ao ITF G1 da Costa Rica, disputado em piso duro, e onde Alves foi semifinalista.

Alves derrotou na última quinta-feira o canadense Taha Baadi por 6/0, 4/6 e 6/2. Ele enfrenta nas quartas o norte-americano Eliot Spizzirri. Nas fases iniciais, o paulista de 17 anos passou pelo americano Adam Neff e pelo vietnamita Phuong Van Nguyen.

Por sua vez, Ferreira bateu o norte-americano Alexander Bernard por 6/2 e 6/3 e garantiu duelo contra o francês Arthur Cazaux. O minieiro de 17 anos já passou pelo mexicano Jorge Andre Limon e pelo canadense Liam Draxl.

O torneio masculino ainda teve o baiano Natan Rodrigues e o catarinense Mateo Reyes, que caíram na segunda rodada, e o lucky-loser carioca Gustavo Madureira que perdeu na estreia da chave principal. No feminino, apenas a paulista Ana Luiza Cruz integrou a chave e caiu na segunda rodada.

Três brasileiros na semi dos 16 anos - O Brasil tem três representantes nas semifinais masculinas da categoria 16 anos, que é disputada em Cali. Os catarinenes Pedro Boscardin e João Loureiro, além do paulista Gustavo Heide lutam pelo título.

Boscardin venceu duelo nacional contra o paranaense João Duleba por 6/7 (3-7), 6/4 e 6/2 para garantir o duelo com Heide, que venceu o cabeça 2 chileno Sebastian De Filippis por 6/1 e 6/2. Já Loureiro passou com 6/1 e 6/0 pelo equatoriano Paulo Ruperti. Havia chance de mais um brasileiro na semi, mas o paraense Joaquim de Almeida perdeu para o uruguaio Francisco Llanes, principal favorito ao troféu, por 6/4 e 6/3.

Final goiana no feminino - Nos 16 anos feminino, haverá uma final entre as duas goianas Lorena Medeiros e Nalanda Silva. Lorena veio do quali e venceu a semi contra a colombiana Maria Juliana Parra Romero por 6/4 e 6/2, enquanto Nalanda passou pela paulista Camilla Bossi por 6/7 (3-7), 6/2 e 6/3.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva