Notícias | Dia a dia | Australian Open
Bia encerra jejum de 53 anos e vai encarar Pliskova
16/01/2018 às 02h39

Bia foi a primeira brasileira a vencer em Melbourne desde 1965

Foto: Divulgação

Melbourne (Austrália) - Demorou 53 anos para que o Brasil voltasse a comemorar uma vitória feminina na chave principal do Australian Open. O fim deste jejum acabou nesta terça-feira com a paulista Beatriz Haddad Maia, que levou um baita susto no começo, mas se recuperou e derrotou a convidada da casa Lizette Cabrera em sets diretos, com parciais de 7/6 (7-3) e 6/4, após 1h35de embate.

Primeira brasileira a vencer em Melbourne desde Maria Ester Bueno, que em 1965 foi a vice-campeã do torneio, perdendo a final para Margaret Court, Bia terá agora pela frente a tcheca Karolina Pliskova, sexta mais bem cotada ao título, que despachou a paraguaia Veronica Cepede sem sustos na estreia, levando 1h32 para anotar placar final de 6/3 e 6/4.

Será a quarta vez que a paulista de 21 anos enfrentará uma top 10 na carreira, tendo perdido os outros três encontros, todos na temporada passada. O primeiro deles foi com a romena Simona Halep, em Wimbledon, o segundo contra a espanhola Garbiñe Muguruza, em Cicninnati, e o último contra a letã Jelena Ostapenko, na final de Seul, quando venceu o primeiro set perdeu de virada.

Bia teve um início de jogo nada animador, errou demais e não conseguiu encaixar o saque, sofrendo quebras nos seus dois primeiros games de serviço. A atleta da casa teve a oportunidade de abrir 4/0, mas levou um break de volta e viu a vantagem diminuir. Cabrera chegou a fazer 5/2, perdeu então quatro games seguidos e a definição foi para o tiebreak.

No desempate, a canhota brasileira levou a melhor e assim largou na frente. Com a vitória no primeiro set, ela se soltou um pouco mais e conseguiu marcar 4/1no segundo com duas quebras de vantagem. Bia perdeu os dois breaks de frente, mas logo em seguida voltou a superar o saque da australiana para sacar em 5/4 e selar a vitória.

Outras duas tchecas também abriram campanha no primeiro Grand Slam da temporada nesta terça e ambas com vitória. Lucie Safarova fez valer o posto de 29ª pré-classificada e derrubou a convidada da casa Ajla Tomljanovic com parciais de 7/5 e 6/3, ao passo que Barbora Strycova não teve dificuldades para bater a convidada norte-americana Kristie Ahn com 6/1 e 7/5. A primeira terá pela frente a romena Sorana Cirstea e a outra enfrentará a espanhola Lara Arruabarrena.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series