Notícias | Outros
Campeã do Orange fecha o ano como nº 1 juvenil
11/12/2017 às 17h02

A norte-americana de apenas 15 anos Whitney Osuigwe venceu sete títulos na temporada

Foto: Divulgação

Plantation (EUA) - A norte-americana Whitney Osuigwe terminou a temporada da melhor maneira possível. Ela conquistou o título do tradicional torneio Orange Bowl e fecha o ano na liderança do ranking mundial juvenil.

A decisão do Orange Bowl, disputado no saibro de Plantation, na Flórida, atestou mais uma vez o domínio que Osuigwe teve na temporada. A jogadora de apenas 15 anos venceu no último domingo a ucraniana Margaryta Bilokin com as tranquilas parciais de 6/1 e 6/2. Ela já havia sido semifinalista do Orange no ano passado e vencido na categoria 12 anos em 2014.

Osuigwe conquistou sete títulos na temporada e acumulou 57 vitórias e apenas 8 derrotas no circuito mundial juvenil este ano, além de ter vencido as últimas doze partidas que disputou. O troféu mais importante veio em Roland Garros e ela também fez parte da equipe americana campeã da Fed Cup Júnior.

O título masculino do Orange Bowl, torneio de gradução GA (a máxima no circuito mundial juvenil), ficou com o canhoto francês Hugo Gaston, que venceu a final contra o cazaque Dostanbek Tashbulatov por 6/3 e 6/2. Com a conquista, Gaston subiu 38 posições no ranking, saltando do 52º para o 14º lugar na classificação. Ele completou 17 anos em setembro.

A primeira posição no ranking mundial juvenil masculino ficou com o argentino Axel Geller, que completou 18 anos em abril. Ele foi vice-campeão de simples nas chaves juvenis de Wimbledon e do US Open, além de ter vencido o título de duplas no Grand Slam britânico. O argentino também terminou em terceiro lugar no ITF Junior Masters, em Chengdu.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis