Notícias | Dia a dia
Presidente da ATP é contra aumentar Masters
09/12/2017 às 13h13

Kermode diz que ATP monitora contusões

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - O sul-africano Chris Kermode, presidente da ATP, é contra a criação de um décimo torneio de nível Masters. Em entrevista ao Sky Sports, ele diz que a entidade está preocupada com o aumento das lesões.

"Esta foi uma das temporadas mais atípicas que já tivemos. Apesar de o circuito como um todo ter reduzido o afastamento por contusões em 6%, vimos tenistas de alto nível contundidos. Algo estranho aconteceu", analisa.

Ele diz que os estudos se intensificaram: "Estamos monitorando isso. Temos uma equipe checando os dados, vendo o que causa as contusões. Será que a nova geração não está bem educada para os problemas de quadril? Ou será a mudança de bolas e superfícies?".

O calendário então se mostra um dilema. "Os jogadores dizem que a troca de quadra é o que mais causa problemas. Mas se padronizarmos tudo, haverá gente descontente com a falta de versatilidade", conta o dirigente.

"Estamos procurando rever tudo isso. Temos hoje 62 torneios que fazem um calendário compacto e intenso. Há enorme demanda por mais Masters, 500 ou 250. Temos no entanto de balancear o calendário pelo mundo. Há proposta para se criar um novo Masters, mas sou contra. Um torneio obrigatório causará mais exigência aos tenistas", argumento Kermode.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva