Notícias | Outros
Jovem britânico vence o Masters para cadeirantes
03/12/2017 às 13h41

O britânico de Alfie Hewett, de apenas 19 anos, levou a melhor sobre Gordon Reid

Foto: Divulgação

Loughborough (Inglaterra) - Em reedição da final dos Jogos Paralímpicos do Rio de Janeiro no ano passado, o jovem Alfie Hewett conseguiu a revanche contra o compatriota Gordon Reid e conquistou o título do Wheelchair Tennis Masters ao vencer a final com parciais de 6/3 e 6/2.

Hewett, que tem apenas 19 anos, é o número 2 no ranking mudial da categoria. Além da conquista do Masters, ele foi campeão de Roland Garros nesta temporada e vice no US Open. Já o canhoto Reid, que tem 26 anos e chegou a liderar o ranking no ano passado, é atualmente o quarto colocado.

"Provavelmente foi uma das melhores partidas que eu joguei", disse Hewett após a vitória deste domingo. "Gordon é um grande competidor e estou realmente orgulhoso desta vitória", afirmou o promissor atleta britânico.

Superado por Hewett na final, Reid fez questão de enaltecer o nível de tênis apresentado pelo jovem algoz. "Alfie teve uma semana brilhante e jogou em altíssimo nível. Eu o vejo jogar desde que ele tinha doze anos e estou orgulhoso pelo que ele fez no esporte".

Ainda neste domingo, o norte-americnao David Wagner confirmou o favoritismo na categoria quad. Número 1 do mundo na categoria, Wang venceu a final contra o britânico Andy Lapthorne por 6/1 e 6/2. Foi no quad que o Brasil teve um participante no Masters para cadeirantes pela primeira vez na história, o catarinense Ymanitu Silva, que foi eliminado ainda na fase de grupos.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva