Notícias | Dia a dia
Federer ganha doutorado honorário na Basileia
25/11/2017 às 09h37

Basileia (Suíça) - O suíço Roger Federer vai levar mais um título para casa, mas desta vez nada relacionado ao tênis. A Universidade da Basileia nomeou, na última sexta-feira, sete doutores honorários e o atual número 2 do mundo foi um dos escolhidos.

O reconhecimento veio da Faculdade de Medicina, que conferiu a Federer a honra por seus esforços no tênis, que acabaram destacando a reputação de sua cidade natal e da nação. O suíço de 36 anos também foi elogiado por seus trabalhos em prol de ações humanitárias.

A Roger Federer Foundation tem como principal meta ajudar no desenvolvimento da região do sul da África, ajudando as crianças através do apoio a uma variedade de projetos educacionais para os desfavorecidos. Já são mais de 850 mil crianças atendidas em quase 14 anos.

Segundo um comunicado da Universidade da Basileia, o tenista da casa afirmou que "o doutorado honorário o deixa tão feliz como um título de Grand Slam". Este prêmio se junta a mais três dados pela ATP: Prêmio Stefan Edberg de Esportividade, Retorno do Ano e Favorito dos Fãs.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis