Notícias | Dia a dia
Neis vence duelo nacional no Rio, Feijão é eliminado
22/11/2017 às 18h06

Neis tem priorizado os torneios de duplas nos últimos anos

Foto: Marcello Zambrana/DGW

Rio de Janeiro (RJ) - O gaúcho Fabrício Neis manteve o embalo depois de ter passado pelo qualificatório e se garantiu nas oitavas de final do Rio Tennis Classic, torneio de nível challenger disputado no saibro do Rio de Janeiro Country Club. Nesta quarta-feira, ele venceu o duelo nacional contra o carioca de 17 anos Christian Oliveira por 6/2, 2/6 e 6/3.

Neis tem 27 anos e se dedica quase exclusivamente ao circuito de duplas, tanto que sequer havia disputado uma chave principal de challenger de simples este ano e marcou apenas a sétima vitória neste porte na carreira. Ele estava sem ranking de simples desde setembro e é o atual 138º em duplas, chegando a ser top 100 no ano passado.

Com três vitórias e nove pontos no ranking já garantidos, Neis agora espera pela estreia de Rogério Dutra Silva para saber quem será seu adversário nas oitavas. Número 1 do Brasil e principal cabeça de chave do torneio, Rogerinho enfrenta o austríaco Michael Linzer ainda nesta quarta-feira.

Quem se despediu do torneio foi João Souza, o Feijão. O paulista de 29 anos perdeu para o espanhol Roberto Carballes Baena por 6/2 e 6/3. Foi a segunda derrota seguida de Feijão para Carballes Baena, que também havia levado a melhor quando os dois se enfrentaram na semana passada em Santiago.

Atual 251º colocado no ranking, Feijão ocupava a 123ª posição na primeira semana da temporada. Ele venceu 18 jogos em challengers e conseguiu uma vitória em nível ATP este ano, obtida no Brasil Open em São Paulo. Seu melhor resultado foi o vice-campeonato no challenger colombiano de Medellin em julho. Fora das quadras, ele comemorou o nascimento de sua primeira filha em setembro.

Ainda nesta quarta-feira, o salvadorenho Marcelo Arévalo confirmou a condição de cabeça 6 ao marcar um duplo 6/2 contra o monegasco vindo do quali Romain Arneodo. Já o dominicano José Hernandez-Fernandez virou contra o uruguaio Martin Cuevas por 4/6, 6/3 e 6/4.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis