Notícias | Dia a dia
Jovem grego surpreende Goffin, faz semi e será top 100
20/10/2017 às 18h29

Stefanos Tsitsipas, de 19 anos, venceu a primeira contra top 10

Foto: Divulgação

Antuérpia (Bélgica) - O promissor grego Stefanos Tsitsipas conseguiu a vitória mais expressiva de sua carreira nesta sexta-feira. O jovem de 19 anos e 122º do ranking eliminou o número 10 do mundo David Goffin nas quartas de final do ATP 250 da Antuérpia ao marcar 2/6, 7/6 (7-1) e 7/6 (7-4) em 2h33 de partida.

Tsitsipas foi número 1 do ranking juvenil em maio do ano passado e começou a temporada como 209º do ranking mundial. O jovem grego, que só tinha uma vitória em nível ATP antes do torneio, furou o quali na Antuérpia e venceu três jogos pela chave principal. Ele entrará no top 100 na próxima semana.

Após marcar sua primeira vitória contra top 10 na carreira, Tsitsipas enfrenta o argentino Diego Schwartzman, que derrotou o espanhol David Ferrer por 7/5 e 6/2, em busca de uma vaga na final do torneio em quadras duras e cobertas.

O início de partida foi difícil para o grego que enfrentou break points em todos os quatro games de serviço do set inicial e permitiu duas quebras ao belga. Goffin perdeu duas chances de quebrar no início do segundo set e foi muito mal no tiebreak, possibilitando que o rival empatasse o jogo e ganhasse confiança.

O último set teve altos e baixos e, quase sempre, Tsitsipas tinha uma vantagem, mas não administrava o placar. O jovem grego esteve por três vezes com uma quebra acima e sacou duas vezes para o jogo e não aproveitou as chances. Em um tibereak que começou equilibrado, Goffin cometeu um erro com backhand quando o placar estava empatado por 2-2 e perdeu um ponto em seu saque. A partir de então, o grego foi firme sacando e definiu a vitória.

O público belga ainda pode torcer pelo canhoto Ruben Bemelmans, que venceu o português João Sousa por 4/6, 7/6 (7-2) e 6/4. Seu adversário na semifinal será o francês Jo-Wilfried Tsonga, cabeça 2 do torneio, que superou o compatriota Julien Benneteau por 7/6 (7-5) e 6/2.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis