Notícias | Dia a dia
Soares e Peya levam dura virada e param na semi
20/10/2017 às 09h44

Soares e Peya não jogavam juntos desde 2015

Foto: Arquivo

Estocolmo (Suécia) - O mineiro Bruno Soares e o austríaco Alexander Peya se reencontraram para a disputa do ATP 250 de Estocolmo e foram até as semifinais. O último capítulo desta história aconteceu nesta sexta-feira, quando eles foram derrotados pelos cabeças de chave número 1, o austríaco Olivier Marach e o croata Mate Pavic.

Soares e Peya saíram na frente, mas acabaram levando uma virada doída perdendo o segundo set no tiebreak e deixando escapar o terceiro após conseguirem uma vantagem importante na reta final. A dupla austro-mineira acabou se despedindo da competição ao levar parciais de 3/6, 7/6 (7-3) e 10-8, após 1h37 de confronto.

A parceria do mineiro com o austríaco começou bem, venceu o primeiro set com uma quebra e mais três break-points perdidos, passando sem ceder uma chance sequer aos rivais. Só que a história não foi a mesma nas parciais seguintes, quando Marach e Pavic deram mais trabalho aos quartos favoritos.

No segundo set, Marach e Pavic chegaram a fazer 3/1, mas tiveram a quebra devolvida e a definição foi para o tiebreak. Bruno e Alex largaram com 2-0 no desempate, mas depois empacaram no placar, venceram somente mais um ponto e viram os rivais fazerem 7-3 para empatar o jogo e forçar a decisão para o match-tierbeak.

O croata e o austríaco anotaram um mini-break logo no começo da parcial decisiva e o mantiveram até o finalzinho, quando perderam dois saques seguidos e deixaram Soares e Peya sacar duas vezes com 8-7. Eles podiam selar a vitória confirmando ambos os serviços, mas perderam os dois e deixaram o triunfo no colo de Marach e Pavic.

Comentários
Raquete novo
Suzana Silva