Notícias | Dia a dia
Baghdatis celebra duas vitórias e é finalista
30/09/2017 às 14h06

Baghdatis tenta conquistar o primeiro título desde 2010

Foto: Divulgação

Chengdu (China) - O sábado foi de duas vitórias para Marcos Baghdatis no ATP 250 de Chengdu. O cipriota começou o dia completando sua partida das quartas de final e depois venceu mais uma para chegar à final do torneio chinês no piso duro.

Em seu primeiro compromisso, Baghdatis precisou jogar apenas um game para consolidar as parciais de 6/3 e 6/2 diante do Yen-Hsun Lu. Já a semifinal foi muito mais equilibrada e o cipriota precisou de 2h02 para derrotar o canhoto argentino Guido Pella por 5/7, 6/4 e 6/2.

Baghdatis disputará sua 14ª final de ATP e tenta o quinto título. O cipriota de 32 anos não levanta um troféu desde janeiro de 2010, em Sydney. O veterano de 32 anos já foi número 8 do mundo e finalista do Australian Open em 2006, mas atualmente aparece apenas no 113º lugar do ranking.

O adversário de Baghdatis na final será o uzbeque Denis Istomin, 78º do ranking, que derrotou o japonês Yuichi Sugita por 6/2, 6/7 (4-7) e 6/0. Aos 31 anos, Istomin disputa sua quarta final de ATP e tenta o segundo título, já que triunfou na grama inglesa de Nottingham em 2015.

A decisão do torneio está marcada para às 5h30 (de Brasília) deste domingo. O retrospecto entre os finalistas é favorável a Istomin, que tem duas vitórias e uma derrota em competições de nível ATP, entre os anos de 2010 e 2015. Já Baghdatis venceu o único encontro em nível challenger, disputado em 2009.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis