Notícias | Copa Davis
Kyrgios vence em cinco sets e dia termina empatado
15/09/2017 às 17h14

Kyrgios retorna no domingo, quando enfrentará Goffin

Foto: Divulgação

Bruxelas (Bélgica) - Em um duelo de cinco sets, Nick Kyrgios conseguiu uma expressiva vitória para empatar o confronto semifinal da Davis contra a Bélgica, disputado no saibro de Bruxelas. O australiano lutou por 1h51 para derrotar o anfitrião por 6/3, 3/6, 6/7 (5-7), 6/1 e 6/2.

Esta é a oitava vitória de Kyrgios em onze jogos de simples na Davis, sendo a primeira vitória em quatro partidas no saibro. Já Darcis sofreu apenas a nona derrota em trinta jogos de Davis, sendo apenas a segunda no piso em que já venceu dez partidas.

A série terá continuidade às 10h (de Brasília) deste sábado. O time da casa terá Ruben Bemelmans e Arthur De Greef, enquanto John Peers e Jordan Thompson defendem a Austrália. Já no domingo acontece o aguardado duelo entre Nick Kyrgios e David Goffin na abertura da rodada.

Os dois aces logo no game de abertura davam a impressão de que Kyrgios estaria afiadíssimo no saque. De fato, o australiano vinha muito bem neste fundamento e conseguiu a rara façanha de não perder nenhum ponto nos games de serviço durante o set inicial. A única quebra aconteceria no sexto game.

A boa sequência do australiano terminaria com o início do segundo set. Darcis era cada vez mais firme do fundo de quadra e conseguia encontrar o tempo das devoluções para conseguir a quebra logo de cara. Com apenas seis erros não-forçados em toda a parcial e sacando bem quando foi preciso, o jogador da casa salvou um break point e empatou o jogo.

O terceiro set seguiu sem quebras até o tiebreak, sendo que o belga precisou salvar sete break points ao longo dos dois primeiros games de serviço, enquanto Kyrgios foi ameaçado só duas vezes. Ainda que o australiano tenha vencido dois pontos a mais em toda a parcial, 34 a 32, seus erros no início do tiebreak possibilitaram que o atleta da casa abrisse 4-0.

Kyrgios dominou o quarto set ao perder apenas três pontos com o próprio saque. Darcis já não exibia a mesma capacidade defensiva das parciais anteriores e teve poucas chances contra potentes saques, devoluções e golpes do australiano. O belga estava cada vez mais dependente do primeiro serviço e não aproveitou o break point que teve no game de abertura. Kyrgios manteve o bom momento e não deu mais chances até o fim do jogo.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series