Notícias | Dia a dia | US Open
Del Potro lamenta backhand e se confessa furioso
09/09/2017 às 10h18

Del Potro espera ter 'velho backhand' de volta

Foto: ATP

Nova York (EUA) - O argentino Juan Martin del Potro não gostou nada da virada que sofreu nesta sexta-feira diante do espanhol Rafael Nadal. Embora reconheça a superioridade do adversário, o campeão do US Open de 2009 lamentou acima de tudo suas limitações com o backhand.

"Nada realmente especial aconteceu após o primeiro set", analisou o argentino, que venceu por 6/4. "Nadal simplesmente começou a jogar melhor e não pude bater meu backhand tão bem como no começo. Ele jogou de forma inteligente até o final da partida", elogiou.

O argentino não escondeu sua frustração. "Foi a primeira vez que me senti dominado por ele, mas também foi a primeira vez que joguei sem um bom backhand. Para ser honesto, estou furioso por perder uma chance como esta, mas talvez amanhã ou depois de amanhã eu fique mais calmo e veja como este torneio foi bom para mim", afirmou ele, que vinha de grande virada sobre Dominic Thiem e vitória em cima de Roger Federer.

O maior problema para Delpo continua sendo o backhand. "Estou me sentindo melhor com o backhand, mas ainda não está bom o bastante para ganhar um torneio como este, vencer dois adversários tops. Claro que depende do jogo deles também. Contra Rafa, você precisa fazer winners dos dois lados, e eu não fiz isso. Ele jogou 80% do tempo no meu backhand e isso foi uma vantagem para ele".

Sincero, Del Potro afirmou que teve sorte de ganhar o primeiro set. "Nunca tive o controle da partida. Levei sorte ao obter a quebra com uma bola na fita da rede. Ele atacava meu backhand e, se você não está confiante, é apenas uma questão de tempo para a derrota. Rafa cresceu muito a partir do segundo set e suas bolas vinham velozes dos dois lados. Ele está jogando muito melhor do que nos últimos anos. Seu backhand melhorou e o saque também. Não sei se no futuro terei como ganhar dele novamente. Tudo depende se irei conseguir um dia ter meu velho backhand de volta".

Comentários
Faberg
Roland Garros Series