Notícias | Dia a dia
Melo deixa a ponta, duplas têm novos líderes
21/08/2017 às 10h08

Kontinen retoma a liderança do ranking de duplas

Foto: Arquivo

Miami (EUA) - O mineiro Marcelo Melo não conseguiu repetir o título no Masters 1000 de Cincinnati e com isso perdeu a liderança do ranking mundial de duplas. Ele caiu para o quarto posto e viu o canhoto finlandês Henri Kontinen recuperar a primeira posição, que já ocupou por 15 semanas entre abril e julho da atual temporada.

Finalista em Cincinnati, Bruno Soares permaneceu na sétima posição do ranking individual mas subiu um posto na classificação de parcerias, indo ao quarto lugar ao lado do britânico Jamie Murray. Os dois superaram os irmãos Bob e Mike Bryan. O primeiro lugar continua com folgas para Melo e o polonês Lukasz Kubot.

Outra mudança de líder do ranking aconteceu nas duplas femininas. Com a atual número 1 Bethanie Mattek-Sands lesionada, sua antiga parceira Lucie Safarova se juntou à compatriota tcheca Barbora Strycova. A vaga na semifinal em Cincy foi suficiente para que a jogadora de 30 anos assuma ponta da lista pela primeira vez na carreira. A canhota tcheca é a 35ª mulher a liderar este ranking.

A última vez que as lideranças dos rankings de simples e duplas da ATP mudaram de mãos na mesma data foi em 7 de junho de 2010. Na ocasião, Rafael Nadal ultrapassou Roger Federer, enquanto Daniel Nestor e Nenad Zimonjic superaram os irmãos Bob e Mike Bryan. Houve ainda um caso curioso em 5 de novembro de 2012, quando Novak Djokovic ultrapassou Federer em simples, enquanto Mike Bryan acabou se isolando na liderança, que até então era dividida com seu irmão gêmeo Bob.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis