Notícias | Dia a dia
Com lesão no braço, Sharapova desiste de Stanford
02/08/2017 às 16h12

Sharapova segue sem uma sequência de jogos

Foto: Divulgação

Stanford (EUA) - O calvário da russa Maria Sharapova em seu retorno às quadras depois dos 15 meses de suspensão por causa de doping continua. Depois de perder dois meses por causa de uma lesão na coxa, desta vez foi o braço esquerdo o vilão para a ex-número 1 do mundo, que precisou desistir do Premier de Stanford.

Depois de passar pela estreia no torneio californiano, Sharapova sentiu dores no braço esquerdo, consultou um médico e foi aconselhada a não jogar. Ela entraria em quadra nesta quarta-feira para medir forças com a ucraniana Lesia Tsurenko, cabeça de chave número 7, que acabou ficando com a vaga nas quartas de final sem precisar jogar.

"Infelizmente eu tive que desistir de minha partida de hoje. Senti dores no braço esquerdo após o jogo de segunda-feira à noite e fiz exames no dia seguinte. O médico me disse para não arriscar e forçar o braço, podendo causar uma lesão. A vitória foi especial e queria seguir jogando, mas infelizmente terei que me preservar", explicou a russa.

A ausência de Sharapova no decorrer do evento foi lamentada pela organização do Premier de Stanford. "É uma situação dura para Maria. Ela tem muitos fãs e isso ficou claro em sua primeira partida aqui vendo o apoio que recebeu. Espero que tenha uma recuperação rápida e possa voltar em breve", disse Dickie Gunnarsson, diretor do torneio.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis