Notícias | Dia a dia
Bellucci sofre, mas acaba com jejum de vitórias
31/07/2017 às 11h59

Bellucci não vencia há exatos dois meses

Foto: Divulgação

Kitzbuhel (Áustria) - Acabou o jejum de vitórias do paulista Thomaz Bellucci no circuito. Nesta segunda-feira ele estreou no ATP 250 de Kitzbuhel e precisou de três sets para superar o ucraniano Alexandr Dolgopolov, levando a melhor com parciais de 6/2, 5/7 e 6/4, em 1h56 de partida. Ele amargava seis derrotas seguidas e não vencia há exatos dois meses

O último resultado positivo do brasileiro foi em Roland Garros, caindo na sequência em cinco estreias consecutivas. As eliminações precoces lhe custaram também cinco quedas seguidas no ranking da ATP, saindo do 52º posto em 18 de junho para o 80º nesta segunda, terreno que pode recuperar agora nesta semana no saibro austríaco.

Bellucci começou bem na partida e logo de cara saiu quebrando o rival ucraniano. O paulista teve que salvar um break-point para fazer 2/0 e por pouco não conseguiu ampliar a vantagem, já que Dolgopolov escapou, no terceiro game, de perder o serviço mais uma vez. Mas ele não evitou uma nova quebra no sétimo, com o brasileiro sacando em seguida para fechar o primeiro set.

Melhor em quadra, o paulista seguiu pressionando os saques de Dolgopolov na segunda parcial. O ucraniano salvou um break no terceiro game e mais dois no quinto e deu um susto ao conseguir uma quebra se aproveitando de um game mal jogado de Bellucci, que chegou a ver o adversário ter 4/2 e saque.

Só que o canhoto de Tietê se manteve firme e tratou de devolver a quebra em seguida, deixando tudo igual mais tarde em 4/4. Dolgopolov conseguiu melhorar no jogo a partir da metade do segundo set e acabou recompensado com uma quebra quando Bellucci sacava em 5/6, empatando assim o confronto.

O terceiro set foi o mais parelho e por muito pouco o paulista não saiu atrás, salvando dois break-points no sexto game e mais dois no oitavo. Bellucci então conseguiu ter uma oportunidade e quebrou Dolgopolov no nono, sacou em seguida com 5/4 no placar e enfim reencontrou o caminho das vitórias.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis