Notícias | Dia a dia
Só dois favoritos chegam às quartas em Hamburgo
27/07/2017 às 15h17

Ferrer foi um dos cabeças de chave eliminados

Foto: Divulgação

Hamburgo (Alemanha) - Os principais favoritos no ATP 500 de Hamburgo não se deram bem e apenas dois conseguiram sobreviver na competição chegando às quartas de final. O principal deles é o russo Karen Khachanov, cabeças de chave 3. que teve trabalho para seguir adiante no torneio, batendo o britânico Aljaz Bedene com apertados 7/6 (7-4), 5/7 e 6/4, após 2h27 de jogo.

Na próxima rodada, Khachanov terá pela frente o argentino Federico Delbonis, que acabou com a série de seis vitórias do espanhol David Ferrer, eliminando o oitavo pré-classificado no saibro alemão com uma vitória em sets diretos e placar final de 7/5 e 6/3. Será a primeira vez que o russo de 21 anos enfrentará o canhoto argentino.

Outro favorito eliminado nesta quinta-feira foi o francês Gilles Simon, que não conseguiu fazer valer sua condição de cabeça de chave 4 para cima do alemão Philipp Kohlschreiber e acabou superado em três sets, com parciais de 6/3, 3/6 e 6/2.

Também se despediu do torneio o francês Benoit Paire, quarto pré-classificado, que estreou direto na segunda rodada e foi eliminado pelo argentino Nicolas Kicker, que venceu com placar final de 6/4 e 7/6 (9-7). O "hermano" será agora o rival de Kohlschreiber, que o venceu no ano passado também em Hamburgo.

Sexto mais bem cotado, o argentino Diego Schwartzman é o outro favorito que seguiu vivo na competição. Ele teve que virar diante do atleta da casa Cedrik-Marcel Stebe, aplicando 1/6, 6/4 e 6/2, e terá agora outro alemão pela frente, encarando Florian Mayer, que bateu o russo Andrey Kuznetsov com 6/3, 4/6 e 6/4.

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva