Notícias | Dia a dia | Wimbledon
Tsonga e Nishikori têm estreias muito tranquilas
03/07/2017 às 11h01

Tsonga já fez duas semifinais em Wimbledon, em 2011 e 2012

Foto: Site oficial

Londres (Inglaterra) - Jogador de currículo respeitável em Wimbledon mas vivendo uma fase apagada, o francês Jo-Wilfried Tsonga começou firme sua campanha no All England Club. Diante do convidado local Cameron Norrie, o cabeça 12 dominou amplamente e marcou as parciais de 6/3, 6/2 e 6/2.

Tsonga já fez duas semifinais em Wimbledon - numa delas, eliminando Roger Federer - e participou de outras duas quartas, incluindo a do ano passado. Seu próximo adversário é o italiano Simone Bolelli, que tenta reação na carreira após parada por contusão. Ele tirou o taiwanês Yen-Hsun Lu, por 6/3, 1/6, 6/3 e 6/4.

Quem vencer esta partida poderá cruzar com o norte-americano Sam Querrey, aquele que tirou Novak Djokovic em 2016. O cabeça 24 teve dois sets difíceis antes de superar o italiano Thomas Fabbiano, por 7/6 (7-5), 7/5 e 6/2, e terá agora o georgiano Nikoloz Basilashvili, que superou o argentino Carlos Berlocq, 6/4, 7/6 (7-3) e 6/1.

Sempre um incógnita quando ao físico, o japonês Kei Nishikori pegou um jogador mais feito ao saibro, o italiano Marco Cecchinato, e perdeu apenas quatro games: 6/2, 6/2 e 6/0. O cabeça 9 jamais passou das oitavas no Slam britânico. Seu próximo adversário é perigoso e sai entre os bons sacadores Julien Benneteau e Sergiy Stakhovsky.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series