Notícias | Dia a dia
ATP negocia em bloco a transmissão de 12 torneios
30/06/2017 às 16h10

Torneios como o de Eastbourne terão os direitos de TV negociados

Foto: Divulgação

Londres (Inglaterra) - A ATP anunciou nesta sexta-feira que irá negociar em bloco os direitos de exibição em tv para doze torneios de nível 250 ao longo da temporada. A ideia é centralizar as transmissões e garantir uma presença mais regular na grade das emissoras.

O modelo já é adotado na negociação dos direitos dos nove Masters 1000 da temporada e dos treze ATP 500. É proposto um contrato de cinco anos, válido para as temporadas entre 2017 e 2021, para transmissões internacionais em todas as plataformas.

Os torneios que terão os direitos negociados são os de Chennai, Houston, Budapeste, Estoril, Lyon, Antalya, Eastbourne, Gstaad, Los Cabos, Winston-Salem, Chengdu e Antuérpia.

"Os direitos de transmissão são uma das áreas que mais crescem em nosso esporte, e tivemos ótimos resultados tanto comercialmente como em termos de audiência com a centralização dos direitos nos Masters 1000 e nos ATP 500 ", disse Chris Kermode, presidente da ATP.

"Queremos replicar esse crescimento no nível 250 que, que recebe o maior número de eventos no circuito. Estamos muito satisfeitos por iniciar este processo com doze torneios e esperamos expandir esse número ainda mais quando os direitos se tornem disponíveis nos próximos anos", acrescentou o dirigente.

De acordo com a entidade que comanda o circuito masculino, a audiência mais que dobrou nos últimos dez anos por conta da estratégia de vendê-los de maneira conjunta. Em 2008, ano anterior ao da criação dos ATP 500, a audiência do circuito era de 464 milhões de pessoas. Já em em 2016, essse número chegou a 938 milhões, representando aumento de 102% no período.

Comentários
Loja - camisetas
Suzana Silva