Notícias | Dia a dia
Cilic e López decidem na grama de Queen's
24/06/2017 às 16h28

López terá de superar o tabu de não vencer Cilic há sete anos

Foto: ATP

Londres (Inglaterra) - O croata Marin Cilic disparou 20 aces e ganhou 91% dos pontos em que acertou o primeiro saque para derrotar o canhoto Gilles Muller, por 6/3, 5/7 e 6/4, e alcançar assim sua terceira final no Queen's Club. Campeão em 2012 e vice em 2013, quando o torneio ainda era um ATP 250, ele enfrentará outro canhoto, o espanhol Feliciano López, que superou uma tarde chuvosa para derrotar o búlgaro Grigor Dimitrov, por 7/5, 3/6 e 6/2.

Cilic obteve notáveis 47 winners na partida, incluindo 14 com seu poderoso backhand, e comemorou sua ótima semana em Londres. "É incrível voltar à final. A partida de hoje contra Muller foi de nível muito alto e acho que eu joguei bem o tempo todo. Ele me levou ao limite", analisou.

"Sinto que meu saque tem estado realmente bem ao longo de toda a semana. Isso tem me permitido também trabalhar bem com a segunda bola. Acho especialmente que joguei de forma inteligente os pontos importantes". O croata de 28 anos irá subir uma posição e recuperar o número 6 do ranking. Ele buscará o 18º troféu da carreira e o segundo da temporada, depois do saibro em Istambul.

López por sua vez irá disputar a segunda final consecutiva na grama, depois de ter sido vice em Stuttgart no domingo passado. Aos 35 anos, ele faz a 17ª final da carreira mas tem saldo negativo, tendo conquistado cinco dessas oportunidades. A mais recente foi no saibro de Gstaad, em julho do ano passado. Ele subirá ao 28º lugar do ranking e garante assim a condição de cabeça de chave em Wimbledon.

O canhoto espanhol terá também de superar um longo jejum de vitórias contra Cilic. O croata lidera os duelos por 5 a 2, tendo vencido os quatro mais recentes, incluindo dois duelos em Queen's. A última vitória de López foi em 2010.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis