Notícias | Dia a dia
Goffin anuncia que não jogará em Wimbledon
14/06/2017 às 23h23

Goffin se machucou durante sua terceira partida em Roland Garros

Foto: Arquivo

Londres (Inglaterra) - Ainda se recuperando da lesão no tornozelo direito que o fez abandonar seu jogo pela terceira rodada em Roland Garros, David Goffin anunciou nesta quarta-feira que não irá jogar em Wimbledon.

"Infelizmente não disputarei Wimbledon este ano", disse Goffin, por meio de comunicado. "A reabilitação está indo bem e os médicos estão otimistas, mas não terei tempo suficiente para estar pronto para o torneio. Quero estar 100% e não vejo a hora de voltar".

Atual número 13 do mundo aos 26 anos, Goffin sofrerá um desconto de 180 pontos no ranking, já que chegou às oitavas de final na edição passada do Grand Slam britânico.

A desistência de Goffin faz com que o letão Ernests Gulbis entre diretamente na chave. Embora ocupe apenas o 494º lugar por conta da lesão no punho direito com a qual lida desde o ano passado, o ex-top 10 utilizou o ranking protegido como 99º colocado. 

Outro jogador que havia entrado na chave era o russo Evgeny Donskoy, atual 95º do ranking e que estava na 99ª posição quando a lista de inscritos foi definida com o ranking do dia 22 de maio. Ele foi beneficiado pela ausência do japonês Yoshihito Nishioka, que é 69º do mundo e está na lista, mas só voltará a jogar no ano que vem por ter operado o joelho esquerdo em abril. O próximo jogador na lista de espera é o israelense Dudi Sela.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis