Notícias | Dia a dia
Melo e Kubot vão à final sem jogar e tentam o 1
13/05/2017 às 10h52

Melo e Kubot disputam terceira final de Masters em dois meses

Foto: Arquivo

Madri (Espanha) - O mineiro Marcelo Melo e o polonês Lukasz Kubot nem precisaram entrar em quadra neste sábado para ir à final de Madri, a terceira de nível Masters 1000 da temporada. Com problema no quadril, o australiano Nick Kyrgios, que fazia parceria com o norte-americano Jack Sock desistiu da competição.

Dessa forma, Melo e Kubot irão em busca não apenas do segundo importante título desde que se juntaram em janeiro, mas também da liderança geral no ranking da temporada. Campeões em Miami, eles têm agora 2.740 pontos e chegarão a 3.140 em caso de título, o que irá superar os 2.900 dos atuais líderes, o finlandês Henri Kontinen e o australiano John Peers.

Os adversários da final deste domingo serão os franceses Nicolas Mahut e Edouard Roger-Vasselin, que haviam eliminado Bruno Soares e o britânico Jamie Murray na sexta-feira. Com outra grande atuação, os dois derrotaram neste sábado os espanhóis Feliciano López e Marc López, por 6/2 e 6/3.

"Com a lesão do Nick, ganhamos um dia de treino e queremos continuar jogando da melhor maneira possível para conquistar mais um título nesta temporada. Vamos ficar bem focados e nos preparar para chegar com tudo para a final de amanhã (domingo)", explicou Melo.

Brasileiro com maior quantidade de vitórias em duplas em nível ATP, Melo também é o tenista nacional com mais títulos de Masters 1000, tendo chegado ao sexto da carreira em Miami. Sua coleção tem dois troféus em Xangai e um em Cincinnati, Paris e Canadá. No geral, ele tem agora 23 títulos de ATP, apenas um a menos que Bruno Soares.

Comentários
Raquete novo
Mundo Tênis