Notícias | Copa Davis
EUA vencem dupla e tentam reação histórica
08/04/2017 às 09h41

Sock entrou de última hora e foi decisivo na dupla

Foto: Site oficial

Brisbane (Austrália) - Com a entrada de última hora de Jack Sock, os Estados Unidos venceram a partida de duplas contra a Austrália em cinco sets e com isso poderão sonhar com uma virada nos dois jogos decisivos deste domingo. O duelo vale vaga nas semifinais do Grupo Mundial da Copa Davis.

Sock substituiu Sam Querrey e, ao lado de Steve Johnson, superaram Sam Groth e John Peers, por 3/6, 6/3, 6/2, 2/6 e 6/3. Se a escalação inicial for mantida, Sock volta à quadra para o primeiro jogo do último dia diante de Nick Kyrgios e, em caso de vitória, a decisão pode ficar entre John Isner e Jordan Thompson.  

"Não iremos embora sem muita luta", afirmou Johnson, que fez parceria com Sock pela segunda vez na competição. "Eles começaram com tudo, mas acho que jogamos melhor os pontos importantes no final da partida", enfatizou Johnson, que teve uma grande atuação nas devoluções e junto à rede.

Sock se disse "muito, muito satisfeito" com o resultado, que ameniza a inesperada derrota que sofreu na sexta-feira diante de Thompson. Campeão de duplas em Wimbledon, ele usou a força de seu forehand para intimidar os australianos junto à rede, incluindo uma 'bolada' em Groth.

Os australianos haviam vencido seus dois jogos de Davis até então e Peers veio à quadra como atual número 2 do mundo e campeão do Australian Open de janeiro. Mas foi ele justamente quem sofreu as duas quebras decisivas no quinto set.

Uma grande parte do mérito coube ao capitão americano Jim Courier, que pela entrada de Sock. "Eu não sabia que ia jogar até as 11h59", garantiu ele, referindo-se ao tempo limite de uma hora antes do jogo. E fica agora a dúvida sobre quem irá à quadra para enfrentar Kyrgios. O experiente Querrey tem placar de 1 a 1 diante do número 1 local, tendo vencido semanas atrás em Acapulco.

A única vez que os Estados Unidos conseguiram uma virada após perder os dois primeiros jogos da Davis aconteceu em 1934 e foi justamente contra a Austrália. No ano passado, os americanos perderam da Croácia em casa depois de abrir 2 a 0.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series