Notícias | Dia a dia
Federer perde 3 match points e cai para 116º colocado
01/03/2017 às 15h59

O russo Evgeny Donskoy conseguiu sua primeira vitória contra top 10

Foto: Divulgação

Dubai (Emirados Árabes) - O que poderia ter sido uma tranquila vitória em sets diretos se transformou em um duelo equilibrado para Roger Federer e culminou com uma surpreendente eliminação nas oitavas de final do ATP 500 de Dubai. Depois de ter três match points na segunda parcial, o suíço permitiu a virada ao 116º colocado russo Evgeny Donskoy com parciais de 3/6, 7/6 (9-7) e 7/6 (7-5) em 2h02

Aos 26 anos, Donskoy conseguiu a primeira vitória contra top 10 na carreira, depois de perder nas seis tentativas anteriores. O russo, que tem como melhor ranking o 65º lugar alcançado em julho de 2013, desafia o francês de 22 anos Lucas Pouille, 15º do mundo, pelas quartas de final em Dubai. Ele foi o algoz de Pouille no US Open de 2015 e perdeu para o francês em um challenger russo no ano de 2013.

Esta é também a primeira derrota que Federer sofre na temporada, após sete vitórias no Australian Open e mais uma nos Emirados Árabes. Sete vezes campeão no Dubai, ele não perdia pelo torneio desde a semifinal de 2013 para Tomas Berdych, já que venceu as edições de 2014 e 2015 e não jogou no ano passado por lesão no joelho.

O jogador de 35 anos também não perdia para alguém de fora do top 100 desde a derrota para o argentino Federico Delbonis, então 114º, no saibro de Hamburgo, em 2013. Já considerando apenas as competições em quadras duras, a última eliminação aconteceu em Indianápolis no ano 2000, diante do 191º colocado australiano James Sekulov.

O suíço começou a partida em altíssimo nível, dando mostras do tênis que o levou à 18ª conquista de Grand Slam há um mês, e quebrou duas vezes seguidas para liderar por 5/1. Na primeira chance de sacar para o set, Federer sofreu uma quebra, mas a vantagem estabelecida no início foi suficiente para ficar à frente no placar.

A segunda parcial seguiu sem quebras e teve um incidente no oitavo game, quando uma das torres de iluminação do estádio se apagou. Os jogadores decidiram dar continuidade à disputa mesmo com alguns setores da quadra no escuro. Quando a luz já foi restabelecida por completo, Federer precisou salvar um set point em seu saque.

Primeiro a pontuar no saque do adversário durante o tiebreak, Federer chegou a ter três match points, levou um winner de devolução e fez dois erros não-forçados, permitindo que o rival reagisse e empatasse a partida.

Com uma quebra no início do terceiro set, o suíço liderou por 5/2 e havia perdido só três pontos no serviço, mas foi quebrado ao sacar para o jogo e perdeu quatro games seguidos. Quando o russo poderia fechar com o saque, sofreu a quebra de zero após uma dupla-falta e começou atrás no tiebreak, chegando a perder por 5-1, mas venceu os últimos seis pontos da partida para para chegar à maior vitória da carreira.

Programação - Donskoy e Pouille duelam por volta de 13h30 (de Brasília) desta quinta-feira. Mais cedo, ao meio-dia, Andy Murray encara Phillip Kohlschreiber. A rodada começa às 8h com a partida entre o holandês Robin Haase e o bósnio Damir Dzumhur, seguido pelo jogo entre o espanhol Fernando Verdasco e o francês Gael Monfils.

Comentários
Loja - camisetas
Arena BTG