Notícias | Dia a dia
Murray aprova desempenho, exceto o do 1º saque
28/02/2017 às 19h05

Britânico teve apenas 40% de acerto de saque nesta terça-feira

Foto: Divulgação

Dubai (Emirados Árabes) - Depois de vencer sua estreia no ATP 500 de Dubai, Andy Murray saiu de quadra satisfeito com o desempenho diante do tunisiano Malek Jaziri. O número 1 do mundo só não aprovou o baixo acerto de primeiro saque, com 40% na partida desta terça-feira.

"A única coisa que eu não fiz bem foi o primeiro saque, não sei exatamente por que, mas acho que foi por jogar à noite e com iluminação, que não tem nada a ver com o que eu chegeui aqui. Eo resto correu bem", disse Murray após a vitória por 6/4 e 6/1.

"Demorou um pouco de tempo para eu me acostumar com seu jogo, mas passei a jogar melhor no decorrer da partida", avaliou o líder do ranking mundial, que sofreu uma quebra de saque ainda no começo do jogo, mas depois não voltaria a enfrentar break points.

"O primeiro set, especialmente o começo, foi difícil e o segundo foi obviamente um pouco mais tranquilo, mas uma estreia nunca é fácil e jogar contra alguém que é agressivo e arrisca é um pouco desconfortável", acrescentou o britânico que fez seu primeiro jogo desde a eliminação nas oitavas do Australian Open.

Murray volta à quadra ao meio-dia (de Brasília) desta quarta-feira, quando enfrenta o 97º colocado espanhol Guillermo Garcia-López, contra quem duas vitórias e uma derrota. "Eu não sei exatamente quantas vezes nós jogamos. Eu só me lembro de ter perdido para ele uma vez em Indian Wells, quando eu estava me sentindo muito bem".

O britânico perdeu o último duelo entre eles, por 6/4 e 6/2, na estreia de Indian Wells em 2012. "Na semana de treinos antes do torneio eu estava jogando algo próximo do melhor tênis da minha vida, então cheguei para o jogo e ele acabou comigo. Acho que foi algo como 3 e 2, e foi um jogo muito fácil para ele. Preciso estar pronto para isso, e espero jogar bem".

Comentários
Loja - livros
Suzana Silva