Notícias | Dia a dia | Rio Open
Thiem domina Ramos e se garante na final no Rio
25/02/2017 às 18h34

Thiem foi semifinalista no ano passado

Foto: Fotojump

Rio de Janeiro (RJ) - Se na parte de cima da chave o japonês Kei Nishokori não fez valer a condição de cabeça de chave 1 e parou logo na estreia, do outro lado o austríaco Dominic Thiem fez a sua parte e já está na decisão do Rio Open. Sua vítima mais recente foi o espanhol Albert Ramos, que foi dominado na primeira semifinal deste sábado e caiu com parciais de 6/1 e 6/4. 

Em sua primeira final da temporada, Thiem terá pela frente o vencedor da partida entre o surpreendente norueguês Casper Ruud, de apenas 18 anos, e o espanhol Pablo Carreño, que se enfrentam mais tarde no Jockey Club Brasileiro. O austríaco nunca mediu forças com o norueguês e venceu quatro dos cinco confrontos com o espanhol.

Thiem começou com tudo na partida e venceu os quatro primeiros games, com direito a duas quebras. Quando ele ia sacar para abrir 5/0, o austríaco perdeu o saque em um esboço de reação de Ramos. Só que o espanhol parou por aí, foi quebrado mais uma vez na sequência e perdeu o primeiro set com arrasadores 6/1. 

A situação de Ramos começou a se complicar quando ele foi quebrado logo no primeiro game do segundo set. O espanhol se salvou de perder o saque novamente no terceiro e mais tarde, no oitavo, empatou o jogo. Contudo, a reação foi efêmera e logo em seguida Thiem voltou a quebrar, sacando na depois para confirmar a vitória em 1h22 de partida.

Semifinalista no ano passado, Thiem precisa do título no Rio se não quiser perder terreno no ranking. Atual número 8 do mundo, nesta semana ele defende os 500 pontos conquistados com o título do ATP de Acapulco em 2016 e por isso tem que vencer o torneio carioca para se manter no top 10. Caso for campeão, ele seguirá como 8 se Jo-Wilfried Tsonga for vice em Marselha e cairá para nono com uma conquista do francês.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series