Notícias | Dia a dia | Rio Open
Garoto norueguês surpreende Monteiro no Rio
24/02/2017 às 22h15

Apesar de ter sacado bem no segundo set, Monteiro não conseguiu quebra

Foto: Arquivo

Rio de Janeiro (RJ) - Por essa, pouca gente esperava. Um dia depois de eliminar Thomaz Bellucci, o cearense Thiago Monteiro foi surpreendido pelo jogo incrivelmente firme e tranquilo do norueguês Casper Ruud, garoto de 18 anos que ocupa apenas o 208ª colocado do ranking e entrou como convidado. Apesar de atuar contra um estádio cheio, Ruud anotou 6/2 e 7/6 (7-2) e passou para a semifinal do Rio Open.

Esta foi a quarta tentativa frustrada de Monteiro atingir a semifinal de um torneio de primeira linha, como havia acontecido em São Paulo e Gstaad, no ano passado, e em Buenos Aires na semana passada. Ao menos, o canhoto brasileiro marcou os pontos necessários e irá aparecer nesta segunda-feira na 74ª posição, a mais alta de sua curta carreira. Ele poderá ainda somar mais no Brasil Open da próxima semana.

O primeiro set foi bem parecido com a estreia do brasileiro diante de Gastão Elias. Monteiro demorou para entrar em jogo e viu o adversário abrir rapidamente 4/0, dificultando qualquer reação. Para piorar, Ruud se mostrou muito calmo e consciente. Acertou 79% do primeiro saque, venceu 80% desses pontos e, quando precisou jogar com o segundo serviço, ganhou todos os lances.

O segundo set caminhou com soberania absoluta dos sacadores. Ruud continuou muito eficiente com o saque e Monteiro melhorou muito no quesito, com bolas muito perto das linhas o tempo todo. Assim, não houve emoção, nem qualquer chance sequer de um 40-40.

A definição foi então ao tiebreak e aí novamente o garoto surpreendeu pela frieza. Mesmo com toda torcida contra, ele construiu 4-0 sem qualquer falha. E aí administrou a vantagem sem novamente dar qualquer oportunidade para o brasileiro.

Ruud, que já se garantiu entre os top 140 do ranking com sua primeira sequência de vitórias em nível ATP, que começou contra o paulista Rogério Silva, enfrentará nesta sábado o espanhol Pablo Carreño, que eliminou Alexandr Dolgopolov.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series