Notícias | Dia a dia | Rio Open
Thiem ganha outra e tenta repetir a semifinal
22/02/2017 às 22h17

Thiem reencontra o 'baixinho' Schwartzman no saibro carioca

Foto: Fotojump

Rio de Janeiro (RJ) - Pressionado por uma boa campanha para permanecer no top 10 do ranking mundial, o austríaco Dominic Thiem teve mais uma atuação firme no Rio Open e garantiu vaga nas quartas de final pelo segundo ano consecutivo. O cabeça 2 derrotou com autoridade o sérvio Dusan Lajovic, 97º do mundo, por 6/2 e 7/5.

Thiem defende nesta semana os pontos da conquista do ATP 500 de Acapulco do ano passado e assim corre risco de sair do oitavo para o 12º posto na lista da próxima segunda-feira. Seu adversário de sexta-feira será o argentino Diego Schwartzman, repetindo as oitavas de 2016 em que o austríaco marcou duplo 7/5.

"Ainda estou sentindo um pouco o fuso horário, bateu um pouco o cansaço. Mas acho que até sexta-feira estarei 100%", afirmou Thiem. Ele rechaça o favoritismo depois da queda de Kei Nishikori. "O torneio continua forte e qualquer um pode avançar".  

Na partida que abriu a rodada noturna, o espanhol Albert Ramos se aproveitou da instabilidade emocional de Fabio Fognini e ganhou com facilidade, parciais de 6/2 e 6/3. O italiano jogou a raquete ao chão várias vezes e num acesso de raiva lançou com força contra o fundo da quadra, fazendo com que o cabo furasse a lona do patrocinador principal. Ele pode receber multa de até US$ 20 mil.

"Já nos enfrentamos muitas vezes e somos amigos. Assim, eu sei que Fabio às vezes parece estar fora do jogo, mas não se pode vacilar", afirmou o espanhol, que havia perdido oito de nove duelos anteriores. "Foi importante me manter concentrado". Ele enfrentará o argentino Nicolas Kicker, que veio do qualificatório, e não espera moleza. "É um jogador muito perigoso, que tem potência e é lutador", resumiu.

Comentários
Faberg
Roland Garros Series