fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Federico Delbonis, Ivo Karlovic , Copa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Federico Delbonis, Ivo Karlovic , Copa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Federico Delbonis, Ivo Karlovic , tênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/copa_davis/delbonis_final_aproxima_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/copa_davis/delbonis_final_aproxima_int.jpg" />
Notícias | Copa Davis
Delbonis derruba Karlovic e realiza sonho argentino
27/11/2016 às 18h48
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/copa_davis/delbonis_final_aproxima_int.jpg" title="Federico Delbonis foi o herói da inédita conquista argentina" />

Federico Delbonis foi o herói da inédita conquista argentina

Foto: Divulgação
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Zagreb (Croácia) - Depois de quatro vice-campeonatos, a Argentina enfim é campeã da Copa Davis. O canhoto Federico Delbonis tornou realidade o antigo sonho argentino ao derrubar o gigante croata de 2,11m Ivo Karlovic no quinto jogo da final por 6/3, 6/4 e 6/2 em 2h08 de partida.

A Argentina passa a ser a 15ª nação a conquistar um título de Copa Davis e se iguala à própria Croácia com uma conquista. Outros países que venceram a competição apenas uma vez são Itália, Suíça, Sérvia e África do Sul.

Primeiros sul-americanos campeões da Davis, os argentinos se livram da incômoda estatística de ser o país com maior número de finais sem ter vencido o torneio. Índia e Romênia tem três vice-campeonatos e a Bélgica tem dois.

Aos 26 anos, Delbonis venceu seu quinto jogo de simples em total de oito na Davis. Pela terceira vez, ele define uma série a favor da Argentina, repetindo o que havia feito contra o Brasil no ano passado e diante da Itália na atual temporada.

Já o veterano Karlovic de 37 anos tentava ser o mais velho a vencer um jogo de simples em uma final de Davis desde 1912 e o mais velho campeão desde 1973. Ele, entretanto, conseguiu ser o jogador de mais idade a jogar uma partida de simples na final desde 1920.

Os dois sets iniciais tiveram roteiro parecido. Karlovic foi o primeiro a ter um break points, mas o canhoto argentino se livrou com bons saques abertos. Agressivo nas devoluções para responder ao saque-e-voleio do rival, Delbonis quebrou no sexto game do jogo e no penúltimo da segunda parcial.

Com um belíssimo lob sobre o gigante croata, o jogador natural da cidade de Azul quebrou logo no início do terceiro set e ampliaria a vantagem no sétimo game. Bastou confirmar o saque e ser empurrado por milhares de torcedores que invadiram Zagreb que presenciaram o momento histórico para o tênis argentino.

Últimas notícias
Comentários
Faberg
Roland Garros Series