fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Joao Pedro Sorgi, Andre Ghem, Facundo Bagnis, Nicolas Kicker, GuayaquilCopa Davis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Joao Pedro Sorgi, Andre Ghem, Facundo Bagnis, Nicolas Kicker, GuayaquilCopa Davis" lang="pt-BR" xml:lang="pt-BR" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
Joao Pedro Sorgi, Andre Ghem, Facundo Bagnis, Nicolas Kicker, Guayaquiltênis" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/brasileiros_outros/sorgi_celebra_gayaquil_int.jpg" /> fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/brasileiros_outros/sorgi_celebra_gayaquil_int.jpg" />
Notícias | Dia a dia
Sorgi brilha mais uma vez e faz semi em Guayaquil
04/11/2016 às 08h52
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
2016/brasileiros_outros/sorgi_celebra_gayaquil_int.jpg" title="Sorgi anotou sua terceira vitória de peso no torneio" />

Sorgi anotou sua terceira vitória de peso no torneio

Foto: Divulgação
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d
fiogf49gjkf0d

Gayaquil (Equador) - O paulista João Pedro Sorgi segue brilhando no saibro do challenger de Guayaquil. Na noite de quinta-feira ele anotou mais uma grande vitória e se garantiu na semifinal ao superar o argentino Facundo Bagnis, 68º do mundo e segundo favorito ao título, de virada e com placar final de 4/6, 6/4 e 6/4, após 2h24min de partida.

Mesma sorte não teve o gaúcho André Ghem, que não passou das quartas de final. O experiente tenista de 34 anos acabou eliminado pelo argentino Guido Andreozzi em sets diretos, com duplo 6/4, depois de 1h38 de confronto. O algoz do brasileiro terá pela frente o belga Arthur de Greef. 

Natural de Sertãozinho, no interior paulista, Sorgi vem na melhor campanha de sua carreira e vai brigar por vaga na decisão contra o argentino Nicolas Kicker, 129º colocado, a partir das 23h de Brasília. "Mais um jogo duro, mas venho com grandes atuações e vitórias neste torneio, acredito que possa fazer mais uma grande partida e buscar essa vitória e vaga na final", avaliou.

Com o desempenho na semana, o paulista dará um salto de em torno das 100 posições no ranking da ATP.A terceira vitória de Sorgi no saibro equatoriano foi recheada de emoções. Ele salvou treze break-points ao todo, esteve 1/3 abaixo no terceiro set e quando sacou para fechar o jogo, em 5/4, salvou outros três breaks. 

"Foi uma sensação incrível e maravilhosa obter mais essa grande vitória. Esteve um set abaixo, quebra abaixo no terceiro, mas mantive atitude positiva, acreditando que poderia virar o jogo e consegui", vibrou o paulista de 23 anos, que já deixou pelo caminho nomes de peso como o do dominicano Victor Estrella e do argentino Leonardo Mayer.

Últimas notícias
Comentários
Loja - livros
Suzana Silva
ProSpin
Plakr